Astrorbits é a grande campeã do Interclasse de Robótica da Escola do Sesi de Dourados

A competição reuniu 12 equipes de robótica, formadas por alunos entre 9 e 16 anos de idade – Divulgação

A equipe “Astrorbits”, do 7º ano do Ensino Fundamental, foi a grande campeã da 5ª edição do Torneio Interclasse de Robótica da Escola do Sesi de Dourados, realizada na sexta-feira (29/06) e no sábado (30/06), no ginásio poliesportivo do colégio. Ao todo, a competição reuniu 12 equipes de robótica, formadas por alunos entre 9 e 16 anos de idade, e é promovida anualmente pelas sete escolas do Sesi em Mato Grosso do Sul como preparação para o Torneio de Robótica FIRST Lego League (FLL), que reúne no 2º semestre do ano as escolas de todo o País.

No Estado, as primeiras escolas do Sesi a realizarem o torneio neste ano foram as de Três Lagoas, nos dias 8 e 9 de junho, e de Corumbá, dias 15 e 16 de junho, e as próximas serão as de Naviraí (11 de agosto), Aparecida do Taboado (18 de agosto), Campo Grande (20 e 21 de agosto) e Maracaju (1º de setembro). Em Dourados, além da Astrorbits, também participaram a Apolo, Pegasus, Cósmicos, Cristalys, Legonauts, The Mentes, Orbitech, Mochileiros da Robótica, Space Lego, Locis e a MegaMentes, que é a equipe oficial da Escola.

Avaliações

Segundo a diretora da Escola do Sesi de Dourados, Sibele Aparecida de Almeida Garcia e Silva, o torneio de robótica serve para despertar o interesse dos alunos em temas como Ciências, Matemática e Tecnologia. “Foi um grande torneio essa nossa 5ª edição. Nós somos a 1ª Escola do Sesi de Mato Grosso do Sul a participar da etapa nacional, então, nós vivenciamos um torneio nacional e trouxemos para os nossos alunos um modelo muito parecido com o que a gente viu lá fora”, revelou.

Ela completa que o resultado da 5ª edição do Torneio Interclasse de Robótica da Escola foi um sucesso. “Os alunos fizeram ótimos projetos, saíram-se muito bem no designe do robô, fizeram um ‘Core Values’ com excelência, também se sobressaíram na competição da mesa e posso afirmar que eles vivenciaram o nível de uma competição nacional, que foi o nosso maior objetivo com esse evento”, finalizou.

O coordenador da competição em Dourados, professor Evandro Gabriel Cegati, informa que foi o seu 2º torneio interclasse de robótica na Escola. “Na primeira foi uma experiência grandiosa, mas essa segunda edição realmente superou todas as minhas expectativas. A participação dos alunos e da comunidade em geral, a animação das equipes, o trabalho duro dos professores que treinaram os alunos, o desempenho dos estudantes nas provas e até mesmo nas atividades paralelas, eles se dedicaram ao máximo, então, minha avaliação é de que todos nós estamos de parabéns”, concluiu.

Os campeões

Para a aluna Íris de Oliveira, 12 anos, integrante da equipe campeã “Astrorbits”, a sensação de ganhar o torneio foi de gratidão. “Nos anos anteriores, nós nos esforçamos muito para conseguir o título, porém não foi possível. Somente agora obtivemos essa conquista. É muito alegria, não faltei em nenhum treino e a vitória é uma recompensa por essa dedicação”, ressaltou.

Já o aluno João Negrão, 12 anos, também integrante da equipe campeã “Astrorbits”, está muito feliz de conquistar o título entre as 12 competidoras. “Estou muito emocionado, pois todos os integrantes da equipe se dedicaram e deram o melhor para essa conquista do título”, revelou.

O torneio

Na sexta-feira (29/06), os alunos foram avaliados internamente nas categorias Projeto de Pesquisa, Core Values, Design do Robô e Desafio do Robô. Na etapa de Design do Robô e Desafio do Robô, os alunos tiveram de apresentar o desenho mecânico, estratégias e inovação na programação, e também na série de missões programadas para cada robô desenvolver na mesa durante partidas de dois minutos e meio cada.

Já na categoria Projeto de Pesquisa os alunos apresentaram soluções inovadoras de acordo com a temática da FLL proposta para este ano “Into Orbit – Você tem o que é necessário para ir para o espaço?”. Na avaliação do Core Values, os alunos foram submetidos a uma atividade em grupo em que os juízes avaliaram se valores como trabalho em equipe foram contemplados.

No sábado (30/06), todos os alunos apresentaram ao público presente seu desempenho em cada categoria proposta. Durante o Interclasse, os alunos intensificaram a preparação para o Torneio de Robótica FLL, que está em sua 30ª temporada e vai “explorar, desafiar e inovar na vasta imensidão do espaço”. Embora o tema da temporada 2018/2019 da FLL já seja conhecido, o grande desafio só será anunciado em 1º de agosto. Os torneios regionais vão de 17 de novembro de 2018 a 13 de janeiro de 2019, e a Grande Final será em março de 2019, na Europa.