Palmeiras venceu o Mirassol por 3 a 1 – Cesar Greco/Ag.Palmeiras

O Palmeiras estreou o novo gramado do Allianz Parque de maneira bem-sucedida na tarde deste domingo. O time alviverde começou em desvantagem contra o Mirassol, mas contou com atuação decisiva do técnico Vanderlei Luxemburgo para virar e garantir o triunfo por 3 a 1.

Com 13 pontos ganhos, o Palmeiras permanece na vice-liderança do Grupo B do torneio estadual. O surpreendente Santo André lidera com dois pontos a mais. Já o Mirassol tem nove pontos e detém o segundo posto do Grupo C, já que perde da Inter de Limeira nos critérios de desempate.

Pela sétima rodada do Campeonato Paulista, o Palmeiras volta a campo para encarar o Guarani às 21h30 (de Brasília) desta quinta-feira, novamente no Allianz Parque. O Mirassol, por sua vez, duela com o Novorizontino às 19h15 de sexta, no Estádio Jorge Ismael de Biasi.

O Jogo – O Palmeiras foi superior durante o primeiro tempo, mas não conseguiu criar grandes oportunidades. Logo no começo, Zé Rafael cruzou, Veron cabeceou e a bola sobrou limpa para Luiz Adriano. De costas para o gol, ele bateu de calcanhar e pegou fraco. Em seguida, reclamou, como se não soubesse que estava sozinho.

O Mirassol praticamente não atacou na metade inicial da partida. Em uma rara subida do time do interior ao campo do Palmeiras, Juninho apareceu por trás da marcação na segunda trave e pegou fraco. O goleiro Weverton, então, conseguiu fazer a defesa com tranquilidade no Allianz Parque.

No que poderia ser um lance de perigo, Mayke recebeu em condições de finalizar pela direita, mas demorou muito e permitiu a chegada da marcação. No final do primeiro tempo, Patrick de Paula sofreu falta de frente para o gol e, na sequência, cobrou à direita da meta de Kewin.

O Mirassol conseguiu inaugurar o marcador aos 14 minutos da etapa complementar. Em jogada pela direita, Maranhão aproveitou vacilo de Gustavo Gomez e levou até o fundo. Ele cruzou e Rafael Silva completou para o gol. O time do interior, acuado até então, ganhou volume de jogo após abrir o placar.

Empurrado pela torcida, o Palmeiras empatou aos 23 minutos do segundo tempo. Colocado por Luxemburgo no lugar de Mayke no intervalo, Gabriel Menino cobrou escanteio pela direita e Gustavo Gomez usou a cabeça para marcar – o paraguaio, assim, se recuperou da falha no gol do Mirassol.

Cinco minutos depois, em jogada de dois atletas colocados no segundo tempo, Bruno Henrique cruzou da direita e Raphael Veiga desviou para virar o jogo no Allianz Parque. Aos 31, Luiz Adriano recebeu cruzamento da esquerda de Gabriel Veron e, de frente para o gol, finalizou com precisão.

Ficha Técnica:
Palmeiras 3 x 1 Mirassol

Local: Estádio Allianz Parque, São Paulo, SP
Data: 16 de fevereiro de 2020 (domingo)
Hora: 16 horas (de Brasília)
Árbitro: Salim Fende Chavez
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa
Cartões amarelos: Gustavo Gomez (PAL); Kewin, Rafael Silva, Neto Moura (MIR)
Público: 26.538 pagantes
Renda: R$ 1.543.471,14
Gols:
PALMEIRAS: Gustavo Gomez, aos 23 minutos do 2º Tempo, Raphael Veiga, aos 30 minutos do 2º tempo, e Luiz Adriano, aos 31 minutos do 2º Tempo
MIRASSOL: Rafael Silva, aos 14 minutos do 2º Tempo

PALMEIRAS: Weverton; Mayke (Gabriel Menino), Felipe Melo, Gustavo Gomez e Viña; Patrick de Paula, Zé Rafael (Bruno Henrique) e Lucas Lima (Raphael Veiga); Gabriel Veron, Willian e Luiz Adriano
Técnico: Vanderlei Luxembrugo

MIRASSOL: Kewin; Daniel Borges, Luiz Otávio, Reniê e Romário; Luís Oyama, Neto Moura (Matheus Rocha) e Juninho; Chico, Maranhão e Rafael Silva (Marcelo Toscano)
Técnico: Ricardo Catalá

Da Gazeta Esportiva

Anúncios de Sucesso no Instagram - Manual Completo Para Anunciantes Obterem O Máximo Do Instagram Gastando O Mìnimo