Chefe do Cartório Eleitoral agradeceu apoio da Câmara Municipal para a realização do cadastramento biométrico dos eleitores de Ponta Porã – Foto: Lécio Aguilera

A sessão ordinária de 11 de junho, na Câmara Municipal de Ponta Porã, foi marcada pela utilização da Tribuna Livre por representantes de dois setores fundamentais para o desenvolvimento de Ponta Porã. O primeiro a falar foi o presidente do Sindicato Rural de Ponta Porã, André cardinal. Ele anunciou e convidou a todos para participar do Fórum Binacional do Agronegócio que deverá ser realizado na quinta-feira, dia 13 de junho, em Ponta Porã.

O evento vai reunir representantes de empresas, produtores rurais, instituições públicas, ligados ao setor do agronegócio, principal fonte econômica do município. São esperados representantes de 13 localidades do Mato Grosso do Sul e também de municípios paraguaios na região de fronteira com o Brasil. “Estamos aqui para convidar os vereadores e a sociedade para acompanhar os trabalhos de debates em torno de temas específicos do agronegócio”, frisou André.

A chefe do Cartório da 52ª Zona Eleitoral de Ponta Porã, Elainy Akamine França, também utilizou a Tribuna Livre para fazer um agradecimento público a todos que colaboraram para o sucesso do trabalho de cadastramento biométrico dos eleitores do município. “Conseguimos recadastrar, em 59 dias de trabalho, 27 mil e 500 pessoas. Isso corresponde a 78% dos eleitores que devem fazer este procedimento. Queremos agradecer ao apoio dos vereadores para o sucesso do nosso trabalho. Também à Prefeitura e aos meios de comunicação”, afirmou.

Elainy, que estava acompanhada pela chefe do Cartório da 19ª Zona Eleitoral, Patrícia Midori Weller, informou que desde o dia 10 de junho foram reabertos os trabalhos de cadastramento biométrico para aqueles que, por algum motivo, ainda não puderam ir ao Cartório eleitoral. O novo prazo se estende até maio do ano que vem quando o cadastro será fechado para as eleições municipais do ano que vem.

Na sessão desta terça-feira parlamentares aprovaram requerimento marcando data da audiência pública para debater Lei de Diretrizes Orçamentárias – Foto: Lécio Aguilera

Lei de Diretrizes Orçamentárias

No decorrer da sessão, foi lido o teor do projeto de lei, de autoria do vereador Candinho Gabínio, presidente da Câmara Municipal de Ponta Porã, que institui a Semana do Administrador e do Gestor no âmbito do Município.

Os parlamentares também votaram um requerimento de autoria da Comissão de Economia, Finanças e Fiscalização, marcando para o dia 27 de junho, às 14 horas, a realização de uma audiência pública para discutir a Lei de Diretrizes Orçamentárias 2018/2019. O requerimento foi aprovado por unanimidade.

13º Salário

O presidente da Câmara Municipal, Candinho Gabínio e o 1º Secretário da Casa de Leis, Wanderlei Avelino, informaram que na próxima sexta-feira, dia 14 de junho, será disponibilizado para os servidores do Legislativo Municipal a primeira parcela do 13º salário. A medida faz parte da política de valorização dos funcionários da Casa. E foi possibilidade graças ao rigoroso controle das contas empreendido na Câmara Municipal.