Produção industrial brasileira sobe 0,6% e tem melhor abril desde 2013

Produção industrial brasileira fechou abril com crescimento de 0,6% frente a março; melhor resultado desde abril de 2013 quando a pesquisa registrou 0,9% - Divulgação
Produção industrial brasileira fechou abril com crescimento de 0,6% frente a março; melhor resultado desde abril de 2013 quando a pesquisa registrou 0,9% – Divulgação

A produção da indústria brasileira cresceu 0,6 % em abril em comparação com março, compensando parte da queda de 1,3% registrada no mês anterior. Os números consideram ajuste sazonal e foram divulgados nesta sexta-feira (2) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Foi o melhor resultado para abril na comparação com o mês anterior desde 2013, quando o indicador cresceu 0,9%.

Na comparação com abril de 2016, porém, foi acumulada queda de 4,5%, a maior baixa interanual desde outubro do ano passado, quando foi registrado recuo de 7,5% em relação a outubro de 2015.

De acordo com o gerente de Indústria do IBGE, André Macedo, o avanço de 0,6% não elimina totalmente a perda de -1,3% registrada em março, o que mantém o setor industrial com características de pouco dinamismo. Segundo o pesquisador, a produção em abril ainda está 19,8% abaixo do pico da série histórica, apurado em junho de 2013.

De janeiro a abril, o setor industrial acumulou retração de 0,7%. Em 12 meses, a taxa acumulada ficou negativa em 3,6%, seguindo a redução no ritmo de queda iniciada em junho de 2016, quando caiu 9,7%.

Macedo destacou que, dentre as grandes categorias econômicas, bens semiduráveis e não duráveis foi a única com resultado negativo em abril, com perda de 0,8%. “Com isso, esta categoria completa o terceiro mês seguido de resultado negativos, acumulando uma perda de 3% no acumulado do primeiro quadrimestre deste ano”.

Do G1