Carlito foi um dos colaboradores para realização de um churrasco com renda a ser revertida para a manutenção de Casas de Apoio – Assessoria

O vereador Carlito do Gás destacou a importância das Casas de Apoio a pacientes e acompanhante de pacientes com câncer que, quando não conseguem tratamento em suas cidades de origem, recorrem a centro de referência como Barretos e também a Campo Grande, onde também são oferecidos ( em menor escala que em Barretos, cujo Hospital possui reconhecimento internacional no tratamento da doença) tratamentos como quimioterapia e radioterapia. O vereador foi um dos colaboradores para realização de um churrasco com renda a ser revertida para a manutenção de Casas de Apoio mantidas nas duas cidades pela Associação Amigos do Chitão.

“Os pacientes precisam de um local para deitar depois das sessões de quimioterapia, que são desgastantes. Precisam se alimentar para aguentar os efeitos colaterais dos medicamentos. O convívio com outros pacientes pode aliviar a dor psicológica e cria uma rede de solidariedade. Tudo isso faz das Casas de Apoio como as mantidas pelo meu amigo “Chitão” um porto seguro para dezenas de pessoas e foi com grande satisfação que me uni a essa causa e junto com outros colaboradores promovemos o churrasco que foi muito prestigiado e mostrou que mesmo em um tempo em que impera o individualismo ainda existem pessoas que se preocupam com o próximo”, afirmou Carlito referindo-se ao churrasco beneficente, realizado no domingo na Seleta. “Agradeço também a diretoria da Seleta e todos aqueles que de uma maneira ou outra colaboraram para o sucesso do evento”, prosseguiu Carlito do Gás, lembrando que câncer é uma doença que causa naturalmente um impacto negativo na vida dos pacientes e também de seus familiares.

“Foi pensando nisso que mobilizamos esforços para ajudar a manter essas Casas de Apoio em Campo Grande e Barretos. Sabemos que todas essas pessoas que passaram e passam por lá merecem e precisam de cuidados especiais. Quanto mais elas se sentirem acolhidas, melhor será o processo de recuperação. Queremos que todos se sintam como se estivessem em suas casas”, finalizou o vereador.