Torneio Interclasse de Robótica foi realizado no sábado, 08 – Divulgação

Com um projeto para implantar uma ciclovia em Aparecida do Taboado, alunos do 7º ano da Escola do Sesi do município foram os grandes vencedores da 5ª edição do Torneio Interclasse de Robótica, promovida pela instituição de ensino no sábado (08/06). A iniciativa, idealizada pelo time “ConstruSábios”, visa construir uma faixa para bicicletas no percurso da Avenida Orlando Mascarenhas, que vai do Fórum à Escola do Sesi.

Agora, o próximo passo é tirar do papel o projeto, que surgiu durante o aprendizado de robótica, e apresentá-lo à Prefeitura. “Discutimos bastante até chegar a um acordo sobre o projeto e agora estamos aqui, recebendo este prêmio, que na verdade não é só nosso, mas de toda a escola, que deu todo o auxílio e condições para que pudéssemos desenvolver este trabalho”, completou a aluna Rani Queiroz, 12 anos, uma das integrantes do “Construsábios”.

A turma do 7º ano teve a ideia da ciclovia enquanto pensavam no tema proposto pela Escola do Sesi para o Interclasse deste ano – “City Shapper” -, algo como “os formadores da cidade”, na tradução livre, que trata de conceitos como cidade inteligentes, acessibilidade e mobilidade urbana. “Tanto que, a partir desta temática, fizemos uma decoração que retratasse a arquitetura do Egito, com uma exposição de pirâmides de diferentes civilizações e cultura egípcia. Os alunos mergulharam neste assunto, e vieram para o torneio fantasiados, foi uma grande diversão”, comentou a diretora da Escola do Sesi de Aparecida do Taboado, Silvia Lucia Bernardes Watanabe, sobre como os alunos estudam e se preparam para competição.

Articuladora da robótica da escola, a professora Luciana Cavalcante acrescenta que o conhecimento em robótica contribui para o desenvolvimento dos alunos e, aqueles que convivem com a robótica, contam com um grande diferencial em relação aos demais. “Vivenciamos um mundo tecnológico, denominado por Milton Santos como o ‘Período Técnico Científico Informacional’. E a robótica traz elementos que compõem esse período, pois são desenvolvidos projetos de pesquisa, construção de robôs e programação, o que desenvolve diversas habilidades socioemocionais e gera estímulos cognitivos”, analisou.

Premiações

A “ConstruSábios” foi a grande vencedora do Interclasse 2019 porque conquistou a maior pontuação média entre as categorias do torneio: Projeto de Pesquisa, em que os alunos apresentam um trabalho científico; Design do Robô, que avalia os componentes de um robô construído e programado pelo time; Desafio do Robô, a emocionante competição entre as máquinas dos times; e Core Values, a capacidade de trabalhar em equipe.

A “ConstruSábios” obteve mais pontos na categoria Projeto de Pesquisa, com a ideia da ciclovia, os “Construtores do Futuro”, time do 9º ano, fez o melhor Design do Robô, os “Pequenos Construtores”, do 8º ano, souberam praticar o Core Values e, no Desafio do Robô, a “Master Builder’s”, do 6º ano, levou a melhor a pontuação.  “A equipe do 7° ano, brilhou. Todo esforço e ansiedade valeu a pena, pois eles alcançaram o objetivo desejado, foram vencedores e merecedores. Muito orgulhosa de toda a equipe do Sesi pelo esforço e dedicação”, comentou a professora e madrinha da “ConstruSábios”, Erica Gonçalves.

Padrinho da equipe, Wellington Cruz, que acompanha o Interclasse desde a 1ª edição do torneio, destacou o aprendizado que o evento proporciona. “Os alunos aprendem muito na preparação para o torneio. É um dia muito especial, pois a prática da robótica ensina para a vida”, completou o professor, acrescentando que a expectativa é tirar o projeto da ciclovia do papel. Da “Construtores do Futuro”, Aneliza Mota participou pela primeira vez de um Interclasse. “O torneio é uma alegria muito grande. A escola toda se envolve e comemora junta, e isso é o mais importante”, assegurou.

Mãe da aluna Maria Clara Piva, Rubia Piva, que visitou o torneio, comenta o sentimento que antecede o evento. “Nós, pais, acompanhamos a ansiedade da nossa filha nos meses que antecede o torneio, e é uma emoção enorme.  Só temos a parabenizar toda a equipe da escola por organizar esta festa que proporciona este tipo de envolvimento dos nossos filhos com a educação”, declarou.

O Torneio Interclasse é organizado para os alunos das sete escolas da rede de ensino de Sesi de Mato Grosso do Sul como um treinamento para as competições de robótica nacionais que eles participam ao longo do ano. As provas seguem o formato do Torneio da First Lego League (FLL), em que competem as escolas de todo o País. Depois de Aparecida do Taboado, a partir de julho alunos das escolas de Dourados, Três Lagoas, Corumbá, Campo Grande, Maracaju e Naviraí vão disputar o Interclasse e vão se preparar para o FLL, que será oficialmente lançado em agosto.