Nova diretoria vai comandar o Sindicato no quadriênio 2019/2023 – Divulgação

Após 40 anos à frente do Sindicato Intermunicipal das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Mato Grosso do Sul (Simemae/MS), o empresário Irineu Milanesi passou a Presidência para o empresário Nilvo Della Senta durante eleição realizada nesta segunda-feira (02/12) na sede da Incubadora Sindical da Fiems em Campo Grande. A nova diretoria vai comandar o Sindicato no quadriênio 2019/2023 e conta ainda com os empresários José Roque Halmenschlager (1º tesoureiro), Ernesto Adami Neto (2º tesoureiro), Vagner Rici (1º secretário) e Marta Emy Komatsu Fukuchi (2ª secretária).

“O Nilvo Della Senta é hábil para trabalhar nessa área. Há dois anos, ele tem desenvolvido uma coordenação no Sindicato, com um conhecimento muito bom. Então, fico tranquilo nessa passagem de presidência a ele. Estou feliz que agora temos um perfil e interesse de trabalhar forte pelo sindicalismo”, afirmou Irineu Milanesi, relembrando as lutas travadas pelo Simemae/MS ao longo dos 40 anos de sua história. “A agregação de parceiros é muito difícil. Enfrentamos o desinteresse do segmento, trabalhávamos praticamente sozinho, mas o Sindicato cresceu e tenho sentido mudanças. Hoje, as empresas sabem o que querem e estão mais conscientes do que o sistema oferece”, afirmou.

Ao longo de 40 anos desde a fundação, o Simemae/MS realizou, segundo o ex-presidente, aproximadamente 140 negociações para convenções coletivas. “Tínhamos três sindicatos laboral para negociarmos com eles separadamente. A gente sempre procurou fazer uma coisa equânime. Agora, com a extinção da contribuição sindical tem piorado, embora tem tido conscientização de muitas pessoas em razão do trabalho que tem sido feito dentro do Sistema Fiems. A empresa associada tem uma série de vantagens e toda a expertise de Sesi, Senai e IEL”, assegurou o empresário.

Uma das mudanças positivas, de acordo com Irineu Milanesi, é a livre negociação entre empregador e empregado. “Toda a vida eu sempre fui a favor dessa filosofia de negociação direta, entre empregado e empregador. A empresa consegue analisar o quanto pode negociar dentro da sua realidade financeira. É o melhor sistema que tem, os países de primeiro mundo trabalham com contrato. Essa nova legislação trouxe uma boa liberdade de negociação”, disse, lembrando que o Simemae/MS foi um dos sindicatos fundadores da Fiems. “Na época a Federação era de Cuiabá (MT) porque o Estado era um só. Quando teve a divisão do Mato Grosso, fundamos os sindicatos que deram origem à Federação de Mato Grosso do Sul, em 1979”, citou.

Novos desafios

Já o presidente-eleito Nilvo Della Senta ressalta a necessidade de o movimento sindical estar preparado para as atualizações do novo cenário. “Nosso desafio passa a ser cada vez mais a sobrevivência do sindicato. Para isso, temos que buscar mais associados e iremos levar até eles as informações sobre quais as vantagens de se tornar associado. Além de buscar novos projetos, uma das possibilidades é o cartão da Personal Card – Ciems, que possibilitará muitos benefícios para o associado”, adiantou.

O empresário enumera as vantagens de ser associado. “Estamos trabalhando pelas indústrias e iremos informá-las de tudo o que está e será feito. Também, daqui para frente, a necessidade da mão-de-obra especializada será ainda mais alavancada. Oferecemos os trabalhos do Sesi e Senai que é um diferencial muito grande ser associada e contribuinte melhor ainda”, reforçou.

O diretor Marcos Henrique Schwarz destaca que a nova diretoria buscará a ampliação territorial do Simemae/MS. “Iremos regularizar a abrangência territorial e que todos possam ter conhecimento dos benefícios como a ginastica laboral, o programa menor aprendiz e campanhas de vacinação que, entre outras, são programas que as empresas tem direito. Tem muita coisa que a Fiems oferece e as empresas têm uma condição especial para isso. Muitas vezes, essas empresas não sabem e iremos levar isso a elas”, afirmou.

Confira abaixo a composição da nova diretoria do Simamae/MS:

Presidente: Nilvo Della Senta

Vice-Presidente: Irineu Milanesi

1º Tesoureiro: José Roque Halmenschlager

2º Tesoureiro: Ernesto Adami Neto

1º Secretário: Vagner Rici

2ª Secretária: Marta Emy Komatsu Fukuchi

Diretores:

Marcos Henrique Schwarz

Edmir Hitosi Oshiro

Conselho Fiscal – Efetivo:

Jefferson Pauli

José Eduardo Henn Siqueira De Castro

João Nilson Castilhos de Morais

Conselho Fiscal – Suplente:

Moises Barbosa e Souza

Sidnei Antônio Rosseto

Regina Célia Lopes Rici

Delegado representante junto à Fiems – Efetivo: Nilvo Della Senta

Delegado representante junto à Fiems – Suplente:  Irineu Milanesi