Flamengo e Fluminense se enfrentam pelas semifinais da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca, nesta quinta-feira, às 20h30 (de Brasília), no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ). A partida, que aconteceria no sábado e foi adiada, vai ser disputada em clima de luto pela morte de dez pessoas no Ninho do Urubu na última sexta-feira, em incêndio que tomou conta de parte do centro de treinamento do clube flamenguista.

Por ter feito melhor campanha na fase anterior, o Rubro-Negro tem a vantagem do empate. Porém, ambos chegam muito motivados. Os flamenguistas, invictos até aqui, golearam a Cabofriense por 4 a 0 no fim de semana passada. Na terça-feira o Tricolor, que tinha perdido por 1 a 0 o clássico para o Vasco, goleou o River por 5 a 0 no Piauí pela estreia na Copa do Brasil.

O momento dos dois times realmente transmite confiança aos jogadores. “A nossa equipe está crescendo e os bons resultados aumentam a nossa confiança. Sabemos que teremos um clássico importante pela frente e vamos encará-lo como a decisão que é. Acreditamos que podemos conquistar a classificação, apesar da qualidade do Flamengo”, disse o atacante Everaldo, um dos destaques do Fluminense.

O Tricolor realmente vai precisar de confiança para enfrentar um rival que contará com uma torcida que vem dando exemplo e fazendo a festa nas arquibancadas, com uma média superior a 40 mil presentes como mandante.

“A torcida comparece muito, vamos ter que fazer a nossa parte agora. Eles estão fazendo lindas festas no Maracanã e estamos tentando retribuir. Nosso time é de pegada, qualidade, portanto, temos que fazer um grande jogo, pois a torcida vai nos apoiar”, disse o zagueiro Rhodolfo.

Sobre a vantagem do empate, os flamenguistas, liderados pelo técnico Abel Braga, parecem não valorizar muito. “O Flamengo sempre vai entrar pensando em ganhar. Pelo regulamento temos a vantagem do empate, mas não pensamos nisso. Se entrarmos pensando nisso, com certeza complica para a gente”, disse o volante colombiano Gustavo Cuéllar.

A partida então promete ser aberta, pois o Fluminense também garante uma postura ofensiva. “As características das equipes que dirijo são ofensivas e não mudei em relação ao Fluminense. Criamos e temos bom aproveitamento. Espero que continue assim. Porém, a partida vai ser muito complicada. À medida que enfrenta time mais difíceis e com defesas mais postadas e com jogadores de alto nível, a tendência é que encontremos mais dificuldades”, avisou o técnico Fernando Diniz.

Em termos de escalação, o Flamengo deverá ter a presença de Gabriel, o Gabigol, no comando do ataque. Apesar do mistério de Abel Braga, o ex-santista parece ter ganho a disputa interna com o colombiano Fernando Uribe pelo posto.

Fernando Diniz, pelo lado do Fluminense, deve manter a equipe que bateu o River-PI. Apesar de regularizado na CBF, o principal reforço do clube este ano, o meia Paulo Henrique Ganso, não foi inscrito na Taça Guanabara e não poderá atuar.

Ficha Técnica
Flamengo x Fluminense

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 14 de fevereiro de 2019 (Quinta-feira)
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Assistentes: Silbert Faria Sisquim (RJ) e Michael Correia (RJ)

FLAMENGO: Diego Alves, Pará, Rhodolfo, Rodrigo Caio e Renê; Gustavo Cuellar, Willian Arão, Everton Ribeiro, Diego e Bruno Henrique; Gabriel
Técnico: Abel Braga

FLUMINENSE: Rodolfo, Ezequiel, Digão, Matheus Ferraz e Marlon; Airton, Bruno Silva, Daniel; Everaldo, Luciano e Yonny González
Técnico: Fernando Diniz

Da Gazeta Esportiva