“Estamos confiantes que Dourados poderá ter um terminal”, destaca Alan Guedes sobre Ferroeste

Prefeito Alan Guedes participou da primeira audiência pública que discutiu a viabilização da Nova Ferroeste – Foto: Assecom

Essa foi a primeira de sete audiências públicas para apresentar os resultados do Estudo de Impacto Ambiental

O Prefeito Alan Guedes participou nesta segunda-feira (16) da primeira audiência pública que discutiu a viabilização da Nova Ferroeste. O encontro foi realizado no Tatersal do Sindicato Rural, no Parque de Exposições João Humberto de Andrade Carvalho e faz parte do calendário de eventos da 56ª Expoagro.

“A Ferroeste é muito tempo aguardada pela sociedade sul-mato-grossense. Esse é mais um passo rumo a consolidação desse projeto que é tão importante para Dourados e para a toda a região sul do estado. A nossa cidade tem uma característica muito positiva, que é uma grande produtora desse interposto, estamos entre Caarapó e Maracaju, que pelo projeto é onde ocorrerão o transbordo de mercadorias, mas nós estamos muito preparados para entrar também nessa disputa”, disse o prefeito.

Essa foi a primeira de sete audiências públicas para apresentar os resultados do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) da Nova Ferroeste, idealizado pelo Governo do Paraná em parceria com o Governo Sul-Mato-Grossense e contou com a presença dos técnicos envolvidos no projeto com a sociedade. A Nova Ferroeste tem como ponto de partida Maracaju, passa por Dourados e outros seis municípios sul-mato-grossenses, até chegar ao Paraná, passando por 41 municípios até o Porto de Paranaguá, no litoral paranaense.

“Dourados é um entroncamento logístico importantíssimo para rota bioceânica e tem visibilidade estratégica junto ao ambiente de negócio que também será fortalecido. Estamos trabalhando, conversando com alguns operadores de logística para entender quais são os critérios que ajudarão a ter um terminal. Então, por isso que nós estamos muito confiantes que Dourado pode ter sim”, pontuou o gestor municipal.

Etapas do processo

As audiências públicas são etapas do processo de licenciamento ambiental prévio do projeto. Para a primeira semana estão programados três encontros: Além de Dourados, Guaíra (18) e Cascavel (19). Em seguida, acontecem as audiências de Paranaguá (23), São José dos Pinhais (24), Guarapuava (26) e Irati (27).

Todas as audiências podem ser acompanhadas in loco e a distância. Os canais de comunicação criados para os encontros estão no ar. Até a última semana foram mais de 4.500 acessos, com e sem interação, como envio de perguntas ou inscrição para o transporte gratuito ou agendamento da transmissão ao vivo das reuniões. O maior volume de pedidos até o momento é para as audiências de Dourados, Cascavel e Paranaguá.

DEIXE UM COMENTÁRIO/RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.