As ações, já tradicionais nesta época do ano, são realizadas pela união de colaboradores, acadêmicos, residentes e voluntários, e se configuram como momentos de descontração na rotina hospitalar

Como já é tradição na semana do Dia das Crianças, os pequenos pacientes internados no Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados (HU-UFGD) ganharam, hoje (10), uma tarde de programação especial. A ação, realizada todos os anos por colaboradores e voluntários externos, ganha cada vez mais participantes que deixam de lado suas rotinas para proporcionar momentos de alívio e divertimento a crianças e suas famílias.

Cerca de 30 pacientes pediátricos participaram da festa, saindo um pouco do dia a dia hospitalar, porém sob a supervisão da equipe de Enfermagem, respeitando a orientação médica e a condição de cada um. As atividades, realizadas no solário da Enfermaria Pediátrica especialmente decorado, incluíram brincadeiras, apresentações culturais, lanche e entrega de presentes.

As crianças puderam se divertir na piscina de bolinhas e na cama elástica e quem aceitou, recebeu uma descontraída pintura facial feita pela voluntária Joselene Alves. A animação ficou por conta do grupo Semeadores da Alegria e do pessoal d’O Quintal – Espaço de Leitura, que contaram histórias e apresentaram teatro de fantoches.

Os presentes entregues aos pacientes foram resultado de duas ações entre amigos, uma organizada pela voluntária Ligiane Pavin e a outra por funcionários da Usina São Fernando, que, durante a festa, também ofereceram arte em balões. Além de brinquedos, ainda foram doados fraldas descartáveis, produtos de higiene pessoal.

Além dos trabalhadores, acadêmicos e residentes do HU-UFGD e dos grupos e voluntários citados, colaboraram com a realização da festa o Centro de Zoonoses de Dourados, que emprestou e instalou tendas no solário da Pediatria, a Panificadora Pãozão, a Capelania Hospitalar e a Pastoral Hospitalar, da Igreja Católica.

Psicologia divertida

Antecipando as comemorações do Dia das Crianças, alguns pacientes pediátricos do HU-UFGD receberam, na noite da última quinta-feira (5), a visita de super-heróis, princesas, fadas, bailarinas, bonecas e outros personagens infantis. É que os integrantes do estágio em Psicologia Hospitalar da UNIGRAN dedicaram as atividades que realizam todas as quintas-feiras no hospital a proporcionar algumas horas diferentes às crianças internadas.

Houve contação de histórias, apresentação de balé, de teatro e dos personagens, interpretados pelos acadêmicos. Os pequenos pacientes também ganharam brinquedos – sendo alguns deles confeccionados pelo grupo com materiais recicláveis –, gibis, livros infantis e kits para desenho, com bloquinhos e giz de cera. Mas o maior sucesso entre as crianças foi a decoração do hospital com totens de princesas e super-heróis, doados pela loja Riachuelo.

“A ideia das brincadeiras e brinquedos no ambiente hospitalar é aliviar o sofrimento, a dor, os medos e fantasias da doença, dos procedimentos e tratamentos, possibilitando outros olhares sobre o processo do adoecimento. O hospital não precisa ser um lugar chato. Pode e deve ter espaço para brincar, para permitir às crianças e acompanhantes vivenciar a realidade do dia a dia, fora do contexto da internação”, esclarece a professora e supervisora de ensino superior, Bruna Paes de Barros.

O estágio em Psicologia Hospitalar da UNIGRAN é realizado no HU-UFGD há cerca de sete anos e visa o acolhimento hospitalar, para pacientes, acompanhantes e familiares, de acordo com o que preconiza a política de humanização. São atendidos adultos e crianças com atividades diversas, além de encaminhamento e orientações para serviços de Psicologia na rede de assistência pública e assistencial gratuita, quando necessário.