“Somente união de pais e alunos garantirá lei do transporte para os distritos”, afirmam Madson e Pepa

Vereadores Madson Pedro Pepa apresentaram Projeto de Lei que visa acrescentar autorização para que o transporte de alunos dos distritos seja realizado de forma integral – Fotos: Assessoria
Vereadores Madson e Pedro Pepa apresentaram Projeto de Lei que visa acrescentar autorização para que o transporte de alunos dos distritos seja realizado de forma integral – Fotos: Assessoria

Os vereadores Madson Valente (DEM), e Pedro Pepa (DEM) apresentaram o Projeto de Lei 051/2017, que visa acrescentar a Lei nº 3870/2015 autorização para que o transporte de alunos dos distritos seja realizado de forma integral.

“Somente a união dos pais poderá garantir que o transporte dos distritos seja efetivamente definido em lei, caso contrário nossos distritos terão que continuar convivendo com a incerteza de ter o transporte”, avaliaram os vereadores.

De acordo com Madson, este alerta dos vereadores para as comunidades surgiu devido à determinação do governo, que orientou a base de sustentação na Câmara para que rejeitem o projeto. Porém para os parlamentares é uma ação incompreensível, pois estão propondo legalizar algo que já está sendo oferecido.

Os vereadores afirmaram que a lei autorizativa de 2015 recebeu votação favorável de todos os vereadores, ninguém fez nenhum questionamento quanto a sua legalidade, entretanto baseados em argumentações não convincentes estão procurando impedir aprovação do projeto, demonstrando total contra senso. “Como foram favoráveis em 2015 e agora são contrários?”, indagou Pedro Pepa.

“Somente nossa integração poderá reverter a possível e já anunciada derrota deste projeto pela maioria dos colegas vereadores. Por isso cada pai, cada aluno devem se somar aos demais moradores dos distritos para que se empenhem por esta questão. Pois estamos reafirmando constantemente que esta lei além de dar tranquilidade as famílias, também garantirá este direito para inúmeras gerações, todos nós iremos passar, porém o que deixamos expressamente escrito se eternizará”, disse Madson.

Os vereadores Pepa e Madson se disseram preparados para o debate, consideram que o parlamento possui sua soberania, que respeitam a base de sustentação do governo municipal e outros posicionamentos contrários, porém estarão de forma posicionados e firmes em defesa da população da zona rural.