O Majestoso com início às 21 horas (de Brasília) deste domingo, no Morumbi, vale muito para São Paulo e Corinthians. Enquanto o time dirigido por Diego Aguirre passou a almejar a liderança do Campeonato Brasileiro após derrotar o Flamengo por 1 a 0 no Maracanã, o de Osmar Loss vem de uma vitória por 2 a 0 sobre o Botafogo em Itaquera e quer deixar a má fase definitivamente no passado.

O São Paulo pisará no gramado do Morumbi já ciente se poderá alcançar a ponta da tabela de classificação ainda neste fim de semana. O líder Flamengo está apenas um ponto à frente (27 a 26) e jogará outro clássico, contra o Botafogo, no Maracanã, duas horas mais cedo. O Corinthians vê a briga à distância, somando 19, mas se reanimou por ter quebrado uma série de duas derrotas e dois empates na competição.

Para frustrar os planos de ascensão do rival, o São Paulo conta com o apoio massivo de sua torcida, que adquiriu mais de 52 mil ingressos de forma antecipada – por determinação do Ministério Público, não haverá presença de corintianos no estádio. “Tenho certeza de que nosso torcedor vai nos empurrar. Sabemos da dificuldade do jogo, mas, dentro de casa, temos que ditar o ritmo”, recomendou o centroavante Diego Souza.

Mais cauteloso, apesar da série de três vitórias consecutivas no torneio, o técnico Diego Aguirre tenta conter a empolgação pela possibilidade de liderança. “Está só começando, ainda falta muito. Temos que trabalhar bastante e procurar ganhar o próximo jogo. Não dá para falar, tem que ser jogo a jogo e ver com o tempo aonde podemos chegar”, ponderou o uruguaio.

Do outro lado, o Corinthians conta com a confiança adquirida em meio à Copa do Mundo da Rússia para frear o rival. Bastante pressionado quando o Brasileiro entrou em recesso, o técnico Osmar Loss comemorou bons resultados recentemente – além de ter triunfado sobre o Botafogo, o seu time venceu amistosos contra Cruzeiro e Grêmio.

“A parada da Copa foi um período extremamente importante. Pudemos treinar algumas ideias novas e trabalhar outras, que já vínhamos tentando executar. Não vou descrever tudo o que preparei para não oferecer armas aos adversários, mas há uma série de coisas que percebo que estamos fazendo diferente”, valorizou Loss, satisfeito com o comprometimento do seu elenco. “O torcedor verá esse espírito de luta em todos os jogos do Corinthians”, prometeu.

Contra o Botafogo, o torcedor também viu um time que ainda sofre defensivamente, mas se mostrou mais oportunista. Loss não confirmou se o esqueleto da formação vitoriosa na partida anterior será mantido. O certo é que ele não terá o contestado centroavante Roger, com uma entorse no tornozelo esquerdo. O recém-chegado Jonathas aparece o substituto natural. O atacante Clayson, por sua vez, está sentindo menos dores no joelho direito e poderá ser uma opção para puxar contra-ataques.

Pelo São Paulo, ao contrário de seu rival, haverá desfalques em todos os setores da equipe. O goleiro Sidão e o meia-atacante Everton, advertidos com o terceiro cartão amarelo, terão de cumprir suspensão no clássico. O volante Jucilei, com um estiramento na região adutora da coxa esquerda, também está fora. Assim, Jean, Lucas Fernandes e Liziero deverão ser titulares.

Ficha Técnica
São Paulo x Corinthians

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Data: 21 de julho de 2018, sábado
Horário: 21 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquim (RJ)

SÃO PAULO: Jean; Éder Militão, Arboleda, Anderson Martins e Reinaldo; Hudson, Liziero e Nenê; Joao Rojas, Diego Souza e Lucas Fernandes
Técnico: Diego Aguirre

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Pedro Henrique, Henrique e Danilo Avelar; Gabriel, Renê Júnior, Romero, Rodriguinho e Mateus Vital; Jonathas (Clayson)
Técnico: Osmar Loss

Da Gazeta Esportiva