GM/Vectra estava abarrotado de produtos adquiridos no Paraguai – Divulgação/PRF

Nesta quarta-feira (22), equipes da PRF fiscalizavam no km 612 da BR-163, quando abordaram um ônibus que fazia a linha Porto Alegre (RS) a Santarém (PA). Durante a entrevista policial, dois passageiros, um homem de 24 e uma mulher de 26 anos, demonstraram um evidente nervosismo.

O homem logo confessou que transportava tabletes de maconha consigo, e que eles estavam escondidos em sua mala, no cobertor e almofadas.

Já na Unidade Operacional da PRF, os agentes contabilizaram 20 tabletes, que, somados, totalizaram 15 kg de maconha. O homem confessou a prática do crime, dizendo que fazia a revenda de droga na cidade onde reside, Nova Mutum (MT). Já a mulher negou envolvimento e disse que era apenas uma conhecida do sujeito. Porém, as passagens dos dois foram compradas no mesmo cartão, no mesmo horário e com a mesma numeração de bagagem. Ele disse que os dois eram namorados, mas ela negou.

Os dois foram presos e responderão, em tese, pelos crimes de tráfico de drogas e associação ao tráfico. Eles foram encaminhados, juntamente com o ilícito, para a Polícia Judiciária local.

Logo após, no km 575 da BR 163, em Bandeirantes (MS), a equipe de policiais rodoviários federais abordaram um ônibus de viagem e encontraram uma mochila com roupas e com quatro tabletes de maconha e 680 gramas de skunk.

À princípio, nenhum passageiro identificou-se como dono da mochila, porém um dos passageiros apresentou um claro nervosismo com a presença policial e acabou confessando ser dele a bagagem. Era um homem de 26 anos. Ele disse que o objetivo era transportar os dois quilos e meio da droga e o skunk até a cidade de Chapadão do Sul (MS) em troca de mil reais.

O homem foi preso em flagrante e encaminhado à Polícia Civil de Bandeirantes (MS), juntamente com a mochila e a droga.

Já em São Gabriel do Oeste (MS), no km 612 da BR-163, os agentes abordaram um Toyota/Corolla, placas de Juscimeira (MT). O motorista, de 24 anos, transportava 50 munições de calibre .22. Questionado, o condutor declarou ter comprado as munições em Ponta Porã para presentear o pai dele. Ele foi encaminhado com as munições para a Polícia Judiciária local.

Cerca de 2h depois, em Coxim (MS), outra equipe abordava uma MMC/Pajero, placas de Cuiabá (MT), ocupada pelo motorista, de 40, e um passageiro, de 49. O condutor mostrou-se nervoso, e carregava em seus bolsos 51 munições calibre 6,35 mm. Ele confessou aos policiais não possuir documentação para porte das munições, sendo encaminhado para a Polícia Civil em Coxim (MS).

Na madrugada desta quinta-feira (23) em Bandeirantes (MS), os agentes abordaram um GM/Vectra, placas de Aparecida de Goiânia (GO). O motorista, de 43, e a passageira, de 56, transportavam grande quantidade de itens adquiridos no Paraguai, sem documentação fiscal. Foram apreendidos eletrônicos, perfumes, maquiagens, relógios e outros itens.

O veículo, com a carga, foi encaminhado para a Receita Federal em Campo Grande, onde a mercadoria será especificada e avaliada. Os envolvidos foram liberados.

Orteco