May se reúne com Trump após críticas de republicano

Imprensa inglesa diz que premier foi “humilhada” por americano

Nas ruas de Londres, o clima é de tensão, com dezenas de manifestantes protestando contra Trump e usando até um boneco gigante do presidente – Foto: EPA

A primeira-ministra britânica, Theresa May, reúne-se nesta sexta-feira (13), em Londres, com o presidente norte-americano, Donald Trump, após as críticas públicas do republicano contra ela. A imprensa local tem noticiado que o encontro ocorre “há poucas horas da humilhação” infligida por Trump a May, com uma entrevista do magnata ao jornal “The Sun” na qual teceu uma série de críticas à premier inglesa, principalmente relacionada ao processo de saída do Reino Unido da União Europeia.

Ao “The Sun”, Trump disse que “gostava” de May, mas que ela “não tinha escutado seus conselhos” sobre o Brexit. “Eu disse o que ela deveria fazer, mas ela acabou indo na direção contrária”, contou.

De acordo com o republicano, o plano de May para a saída da UE, apresentado ontem e o qual prevê certos vínculos com o bloco mesmo após o Brexit, “matará qualquer possibilidade de acordo comercial com os Estados Unidos”. “Esse plano, como está, deixará os EUA negociando com a UE, e não com o Reino Unido”, disse.

Na mesma entrevista, Trump atacou também o prefeito de Londres, Sadiq Khan, e poupou apenas o ex-ministro britânico das Relações Exteriores Boris Johnson. “Ele daria um excelente primeiro-ministro”, comentou.

O magnata ainda criticou a onda migratória do Oriente Médio e da África, alegando que a situação está ficando cada vez pior e que a Europa está “perdendo” a sua cultura com a chegada constante de estrangeiros.

Nas ruas de Londres, o clima é de tesão, com dezenas de manifestantes protestando contra Trump e usando até um boneco gigante do presidente.

Após a reunião com May, Trump será recebido com a primeira-dama Melania pela rainha Elizabeth II para um chá.

Da AnsaFlash