Estágios do IEL são oportunidades de inserção no mercado de trabalho para estudantes

Acadêmica Marizete Martins Bolhovera está há 5 meses realizando estágio no IEL – Divulgação

A acadêmica do 8º semestre de Administração, Marizete Martins Bolhovera, encontrou no estágio do IEL a oportunidade para conseguir se inserir no mercado de trabalho. Há cinco meses no Instituto, já conseguiu se adaptar às exigências do mercado e pode colocar em prática os conhecimentos teóricos absorvidos na faculdade. “Nunca tinha trabalhado e nesse tempo de estágio já pude ter certeza de que escolhi a profissão certa, porque gosto de tudo o que faço aqui. Além disso, acredito que o estágio é uma forma de enriquecer ainda mais nosso currículo”, afirmou.

Já o estudante Felipe Nicholas de Souza Lima ainda está no Ensino Médio, mas decidiu buscar um estágio como auxiliar na administração do Centro de Distribuição da Hoover para ter uma ideia de como funciona o mercado de trabalho e ter sua independência financeira. “Como penso em seguir carreira no Exército, já estou me preparando para o ano que vem, quando vou me alistar e, se tudo der certo, vou começar a servir, e o estágio te ensina a lidar bem com questões de hierarquia, disciplina e responsabilidade”, destacou.

Para o acadêmico Diego Barbosa Dalto, do 8º semestre de Sistemas de Informação, o estágio na empresa AZ Informática também foi a porta de entrada para o mercado de trabalho. “Estou na empresa há um ano desenvolvendo softwares e trabalhando com programação e acho que é o primeiro passo para a construção da minha carreira. Esse é o meu último ano na faculdade e acho que se continuar me dedicando, posso ter chances de ser efetivado ao final do estágio ou então conseguir um emprego em outra empresa de forma mais fácil, pois já tenho conhecimento na área”, comentou.

Ele ainda destaca todo o aprendizado adquirido na empresa. “Acho que aprendi mais nesse ano de estágio do que em todos os anos de faculdade, porque quando você coloca a mão na massa o conhecimento é absorvido de forma mais fácil do que apenas na teoria, então acho que é fundamental um estágio, não só na minha área como em todas as outras, porque é uma oportunidade de colocar em prática o que a gente aprende nas aulas”, completou.

Aumento nas contratações

De acordo com a coordenadora de desenvolvimento de carreira e estágio do IEL, Rosângela Ramos, foi registrado um aumento de 10,6% no número de contratações de estagiários durante o primeiro semestre de 2018 em comparação com o mesmo período de 2017, saltando de 2.625 para 2.903 contratações de jovens encaminhados para o mercado de trabalho. “Para o IEL os números estão muito positivos. Temos aí um cenário favorável e que nos dá oportunidades para uma maior oferta de vagas para estágio”, afirmou.

Ela explica que por conta da lenta recuperação da economia, muitas empresas estão optando pela contratação de novos estagiários, visando isenção de encargos sociais e trabalhistas, decorrentes da não vinculação empregatícia. “Outro fator importante em relação ao número de contratações é que o IEL disponibiliza para desses jovens talentos orientações e capacitações em diversos temas atuais voltados ao mercado de trabalho, contribuindo para o desenvolvimento profissional do jovem estagiário, bem como aumentando a possibilidade de uma futura contração”, reforçou.

Entre os programas desenvolvidos pelo IEL, o Estágio Mais foi iniciado neste ano e já atendeu 800 estagiários em todo o Estado, levando palestras sobre comportamento organizacional, gestão do tempo, projeto de vida, carreira e empregabilidade, trabalho em time e negociação e conflito. “Atualmente, o mercado de trabalho está cada vez mais exigente e esse acompanhamento que o IEL faz é fundamental para orientar esses jovens sobre postura profissional”, ressaltou Rosângela Ramos, acrescentando que o Instituto está com 46 vagas de estágio para Ensino Médio e Ensino Superior.

Serviço – Mais informações pelo telefone 3044-2143.