O exame para o novo coronavírus em uma idosa de 63 anos que morreu com sintomas da doença no sábado (21) em Campo Grande deu negativo. A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Saúde. As informações são do Correio do Estado.

A mulher era venezuelana e estava no Brasil desde janeiro. Deu entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Leblon com síndrome respiratória aguda grave. Ela tinha taquicardia e falta de ar.

Profissionais tentaram estabilizá-la, mas a paciente não resistiu. Sabe-se que a vítima sofria de várias doenças, como problemas pulmonares, diabetes e pressão alta. Foi coletada amostra de swab (exame que utiliza um cotonete estéril para coleta de material) e enviada ao Lacen, que realizou a investigação do óbito.

Com isso, Mato Grosso do Sul continua sem óbitos por coronavírus confirmados. Boletim mais recente, divulgado neste domingo (22), revela que o Estado tem 21 casos confirmados do novo coronavírus.

O paciente mais novo é uma menina de 13 anos. Há também uma adolescente de 19 infectada. O Estado investiga 76 suspeitas de Covid-19 e descartou outras 164. Não há casos novos no interior. Apenas Sidrolândia e Ponta Porã seguem com infectados.

Em todo o Brasil, segundo informações do Ministério da Saúde, já foram confirmados 1.546 casos do novo coronavírus. A doença já matou 25 conforme o boletim mais recente.

Deputado Zé Teixeira