O técnico do Vasco, Vanderlei Luxemburgo, gosta de trabalhar com um elenco enxuto, com número suficiente de jogadores para suprir possíveis perdas, porém, que não atrapalhe a rotina de treinamentos. Com a necessidade de buscar reforços e precisando reduzir a folha salarial para isso, o Cruz-Maltino vai tentar negociar alguns atletas para ganhar fôlego financeiro.

O primeiro a deixar São Januário foi o volante Willian Maranhão. O jogador acertou a ida para defender o América-MG na Série B do Campeonato Brasileiro e será anunciado de maneira oficial pelo Coelho nas próximas horas. Antes dele, o volante Marcelo Mattos não teve o contrato renovado, o meia Thiago Galhardo foi afastado por supostamente reclamar dos atrasos salariais e o atacante Rildo se transferiu para a Chapecoense.

Outro a sair provavelmente será o colombiano Oswaldo Henriquez. O zagueiro despertou o interesse do Bahia e já recebeu autorização do Vasco para negociar uma possível transferência. Um acordo pode ser fechado nas próximas horas.

Revelado nas categorias de base do clube, o goleiro Gabriel Félix também não vai permanecer. Ele negocia com um clube do futebol paulista. O lateral-direito Rafael França, zagueiro Kainandro e o volante Rodrigo Fernandes já foram avisados que não vão emplacar o segundo semestre em São Januário.

Dentro de campo o elenco se prepara para o duelo contra o Fortaleza neste domingo, às 19h (de Brasília), na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Com dois pontos conquistados, o time carioca, que segura a lanterna, busca o primeiro triunfo na competição para começar a esboçar uma saída da zona de rebaixamento.

Da Gazeta Esportiva