Este é o 2º tremor registrado na região em menos de uma semana – Foto: EPA

Um novo terremoto de magnitude 7.1 na escala Richter atingiu o sul da Califórnia, nos Estados Unidos, nesta sexta-feira (5). Este é o tremor mais potente já registrado na região em 20 anos, informou o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS na sigla em inglês).

Segundo os dados, o fenômeno ocorreu por volta das 20h33 (horário local) e seu epicentro aconteceu a 17km de Ridgecrest, localidade de apenas 30 mil habitantes, a cerca de 250km de Los Angeles.

O novo abalo sísmico, que também foi sentido em Las Vegas, Reno, Los Angeles, Nevada e Phoenix, provocou pânico entre os cidadãos e diversos deslizamentos de terra e rachaduras em estabelecimentos. Há relatos de que algumas pessoas sofreram ferimentos leves.

Além disso, as canalizações de água e esgoto foram danificadas, interrompendo o abastecimento em pelo menos três mil residências. Incêndios foram registrados após vazamentos de gás em Ridgecrest.

O governador da Califórnia, Gavin Newson, ofereceu seu “apoio sincero” a todos os afetados, e declarou emergência no condado de San Bernardino. Na última quinta-feira, um outro terremoto de magnitude 6,4 atingiu a mesma área, a uma profundidade de quase 11km. Ao todo, mais de 100 tremores já atingiram o sul da Califórnia nos últimos 10 dias.

A costa do estado está localizada sobre uma falha geológica conhecida como Falha de San Andrés, onde o fenômeno é mais comum devido aos encontros das placas tectônicas.

Da AnsaFlash