Sexto Gre-Nal de 2020 termina empatado

No sexto Gre-Nal de 2020, o Grêmio recebeu o Internacional e empatou por 1 a 1, em duelo válido pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Após primeiro tempo pouco movimentado, não faltou emoção na etapa final. Os gremistas abriram o placar com Pepê logo aos sete minutos e ficaram com um jogador a mais após a expulsão de Musto. Mas o Colorado reagiu com um a menos, empatou com Thiago Galhardo cobrando pênalti e ainda viu Cortez ser expulso pelo outro lado.

Foi o sexto Gre-Nal de 2020 e o segundo terminado em empate. Os outros quatros foram vencidos pelo Grêmio, que ainda não tinha sido vazado nos clássicos até o gol de Galhardo.

Com o resultado, o Colorado se manteve na vice-liderança, agora com 22 pontos somados, contra 24 do 1º colocado Atlético-MG. Já o Grêmio chegou aos 14 e ultrapassou provisoriamente o Corinthians para assumir o 14º lugar.

O jogo
Em jogo mais truncado no primeiro tempo, apenas uma chance de gol para cada lado. Aos 15 minutos, Cuesta lançou Heitor, que ganhou da marcação no domínio e bateu cruzado rente a trave de Vanderlei. Já aos 38, Lucas Silva driblou Patrick e arriscou bomba da intermediária, para grande defesa de Marcelo Lomba.

Se a primeira etapa foi de poucas chances, a segunda foi repleta de emoções. Logo aos sete minutos, Pepê recebeu bola na ponta esquerda e tocou para Diego Souza. O camisa 9 fez o pivô e devolveu para o jovem, que invadiu a área e tocou por cobertura da saída de Lomba.

Pepê, que já havia marcado na vitória do Grêmio pelo Gre-Nal da Libertadores, no Beira-Rio, voltou a brilhar, agora na Arena pelo Brasileirão.

Depois do gol, Coudet promoveu mudanças, colocando Pottker e D’Alessandro nos lugares de Boschilia e Abel Hernández. A entrada deu certo no primeiro momento, com o meia argentino deixando Thiago Galhardo na cara do gol, aos 20 minutos, mas o artilheiro do Brasileirão bateu cruzado para fora.

Aos 24 minutos, o Inter, que já estava atrás do placar, perdeu um jogador. Musto acertou o rosto de Diego Souza e recebeu cartão vermelho direto após consulta de Raphael Claus ao VAR.

Quando a situação parecia irreversível para o Colorado, Cortez colocou a mão na bola em lance de Edenílson e Claus marcou pênalti em nova consulta ao VAR. Aos 29 minutos, Galhardo partiu para a cobrança e converteu – foi o primeiro gol do Inter em Gre-Nais no ano.

O dia ruim de Cortez não parou por aí. Aos 36 minutos, o lateral acertou Cuesta, recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso, deixando ambos os lados com dez jogadores.

Ficha Técnica
Grêmio 1 x 1 Internacional

Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data: 3 de outubro de 2020, sábado
Horário: 17h (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (Fifa-SP)
Assistentes: Neuza Ines Back (Fifa-SP) e Alex Ang Ribeiro (SP)
VAR: José Claudio Rocha Filho (SP)
Cartões Amarelos: Cuesta (Internacional)
Cartões Vermelhos: Cortez (Grêmio); Musto (Internacional)

GOL
GRÊMIO: Pepê, aos sete minutos do 2º tempo
INTERNACIONAL: Thiago Galhardo, aos 29 minutos do 2º tempo

GRÊMIO: Vanderlei; Orejuela, Paulo Miranda, David Braz e Cortez; Darlan (Luiz Fernando), Lucas Silva (Diogo Barbosa), Matheus Henrique; Alisson (Robinho), Pepê e Diego Souza (Guilherme Azevedo).
Técnico: Renato Gaúcho

INTERNACIONAL: Marcelo Lomba; Heitor, Moledo, Cuesta e Uendel; Musto, Patrick, Edenilson e Boschilia (William Pottker); Thiago Galhardo e Abel Hernández (D’Alessandro).
Técnico: Eduardo Coudet

Da Gazeta Esportiva

DEIXE UM COMENTÁRIO/RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.