Senai de Corumbá entrega certificados do curso de pedreiro de alvenaria a soldados do Exército

Certificados foram entregues a 30 soldados da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira do Exército – Assessoria

O Senai de Corumbá entregou, nesta sexta-feira (30/10), os certificados de conclusão do curso de pedreiro de alvenaria para 30 soldados da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira do Exército, sediada no município. A formação profissional faz parte do Projeto Soldado Cidadão, que capacita os militares das Forças Armadas que serão dispensados após o término do tempo de serviço militar obrigatório para concorrerem ao mercado de trabalho em melhores condições.

Segundo o diretor-regional do Senai, Rodolpho Caesar Mangialardo, essa parceria com o Ministério da Defesa busca garantir a qualificação profissional gratuita aos jovens que prestam o serviço militar obrigatório. “O objetivo é formar esses jovens para facilitar a inserção deles no mercado de trabalho. Nós acreditamos que a qualificação profissional vai contribuir para a transformação da vida deles”, declarou.

O coordenador de cursos do Senai de Corumbá, Herlon Souza Sommerfeld, acrescenta que o curso pedreiro de alvenaria deu condições aos militares terem uma profissão no campo da construção civil. “O curso foi transcorrido presencialmente usando medidas de segurança de contenção à Covid-19 na unidade do Senai na cidade”, reforçou.

Já Paulo Madson Barbosa, que integra a equipe de relações com o mercado do Senai de Corumbá, destaca que, neste ano, a unidade conseguiu estreitar os laços com as Forças Armadas. “Adequamos o curso da melhor maneira para que esses militares obtivesse uma profissão ao término do serviço militar obrigatório. Foi um sucesso e já estamos nos alinhando para o ano que vem”, projetou.

O instrutor do curso de alvenaria do Senai de Corumbá, Vinicius Lopes Miranda, completa que a formação permite que os alunos tenham uma chance no mercado de trabalho da região. “Com esse curso, os soldados podem ter um salário adequado na área da construção civil”, assegurou.

Para o tenente-coronel do Exército José Itacir Blndé da Silva, que é o chefe de relações públicas da 18ª Brigada de Infantaria de Fronteira do Exército, é muito importante essa capacitação profissional oferecida pelo Senai de Corumbá, pois dá uma profissão adequada aos militares temporários. “O tempo de serviço dos militares de início de carreira é limitado, então, devemos entregar esses jovens aptos ao mercado de trabalho após o serviço militar obrigatório”, analisou.

O soldado do Exército Diego Benito da Silva Moreira, que fez o curso de pedreiro de alvenaria, relata que a formação foi de muito importante para a sua vida. “Esse curso superou em muito as minhas expectativas. Tive muito aprendizado e quero colocar em prática aquilo que aprendi com o Senai”, revelou.

DEIXE UM COMENTÁRIO/RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.