São Paulo contrata Daniel Alves que vestirá a camisa 10 do tricolor

O sonho se concretizou. O São Paulo acertou nesta quinta-feira a contratação de Daniel Alves até dezembro de 2022. O lateral-direito, que era tratado como “sonho” pela diretoria tricolor, aceitou a oferta do clube do Morumbi e chega como um reforço de peso para preencher uma antiga carência do elenco. Ele herdará a camisa que pertencia a Nenê, ou seja, vestirá a 10 no Tricolor.

Daniel Alves tinha propostas de outros clubes, inclusive de diversos europeus, mas nenhum deles atendia às suas exigências. Tendo como grande objetivo disputar a Copa do Mundo de 2022, no Catar, o lateral-direito priorizava uma oferta que lhe proporcionasse um contrato longo, que desse a ele certa estabilidade, algo que o São Paulo se dispôs a dar.

“Agora é 2019, e eu poderia ter escolhido qualquer lugar para jogar, mas escolho voltar para o Brasil, pelo meu país, pelo meu povo, pelo meu clube de coração. É irreal, mas estou aqui”, disse Daniel Alves no vídeo do anúncio de sua contratação.

Durante a Copa América, Daniel Alves havia deixado claro que não iria retornar ao Brasil tão cedo, mas que o São Paulo seria sua prioridade pelo fato de sempre ter sido torcedor do clube. O lateral-direito já chegou a dizer que o time tricolor do início da década de 1990, comandado por Telê Santana, foi uma de suas grandes inspirações para se tornar jogador de futebol.

Na Europa, grandes clubes chegaram a fazer propostas por Daniel Alves, mas com contrato de uma temporada. Outros, até ofereciam um vínculo um pouco mais longo, mas não iriam disputar a Liga dos Campeões. Como nenhuma equipe atendeu todas as suas exigências, o caminho se abriu para o São Paulo.

Aos 36 anos, Daniel Alves chega ao Morumbi com o objetivo de se manter no mais alto nível. A exemplo de Filipe Luís, que fechou com o Flamengo, o lateral-direito não crê que o fato de vir jogar no Brasil possa atrapalhar seu projeto de continuar sendo convocado pela Seleção Brasileira e marcar presença no Mundial do Catar, em 2022.

Daniel Alves

Nome completo:Daniel Alves da Silva
Data de nascimento:06/05/1983 (36 anos)
Local de nascimento:Juazeiro (BA)
Altura:1m72
Peso:70kg

Clubes:Bahia (1998-2002), Sevilla-ESP (2002-2008), Barcelona-ESP (2008-2016), Juventus-ITA (2016-2017), Paris Saint-Germain-FRA (2017-2019) e São Paulo (2019)

Títulos por clubes:Copa do Nordeste (2002), Copa da UEFA (2005/06 e 2006/07), Supercopa Europeia (2006, 2009, 2011 e 2015), Copa do Rei da Espanha (2006/07, 2008/09, 2011/12, 2014/15 e 2015/16), Supercopa da Espanha (2007, 2009, 2010, 2011 e 2013), Mundial de Clubes da FIFA (2009, 2011 e 2015), Liga dos Campeões (2008/09, 2010/11 e 2014/15), Campeonato Espanhol (2008/09, 2009/10, 2010/11, 2012/13, 2014/15 e 2015/16), Campeonato Italiano (2016/17), Copa da Itália (2016/17), Campeonato Francês (2017/18 e 2018/19, Copa da França (2017/18), Copa da Liga Francesa (2017/18) e Supercopa da França (2017)

Títulos pela Seleção Brasileira:Mundial Sub-20 (2003), Copa das Confederações (2009 e 2013) e Copa América (2007 e 2019)

Premiações:Melhor lateral-direito no Mundial Sub-20 (2003), Melhor jogador da Copa da UEFA (2005/06), Melhor jogador da Supercopa Europeia (2006), Time do Ano da UEFA (2007, 2009, 2011, 2015 e 2017), Time do Ano da FIFA (2009, 2011, 2012, 2013, 2014, 2015, 2017 e 2018), Equipe do ano da European Sports Media (2006/07, 2008/09, 2009/10 e 2010/11), Melhor lateral-direito do Campeonato Espanhol (2008/09), FIFPro World XI (2009, 2011, 2012, 2013, 2015, 2016, 2017 e 2018), Copa das Confederações – equipe do campeonato (2009 e 2013, Equipe do Campeonato Francês (2017/18), Melhor jogador da Copa América (2019) e Seleção da Copa América (2019)

Da Gazeta Esportiva