Representantes de dez sindicatos empresariais do comércio da Capital e do interior do Estado, filiados à Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de MS (Fecomércio-MS), receberam nesta sexta-feira (13) a certificação no SEGS – Sistema de Excelência em Gestão Sindical-Ciclo 2019. A cerimônia marcou o encerramento das atividades do ano e foi realizada em Campo Grande.

O programa tem o objetivo de alinhar as práticas de gestão sindical entre integrantes do Sistema Sicomércio, CNC-Confederação Nacional do Comércio, as Federações do Comércio e os sindicatos da sua base. Para desenvolver a excelência na administração, as entidades filiadas ao Sicomércio devem atender aos critérios de avaliação do programa, elaborados com referência às boas práticas internacionais de gestão.

O multiplicador do SEGS, Reginaldo Lima, explica que o foco do Sistema continua sendo o gerencial, mas que nos últimos anos, com o fim da obrigatoriedade do recolhimento da contribuição sindical, tem voltado o olhar para os processos dos sindicatos. “Estamos com uma atenção especial para os planos de melhorias, orientando os sindicatos a elaborarem seus planos de ações. Queremos melhorar a defesa de interesses, ajudar as nossas instituições a serem mais assertivas na representatividade dos empresários do comércio, ocupando espaços em fóruns e conselhos e ofertando produtos e serviços aderentes às necessidades dos seus associados”, diz.

Para o presidente do Sistema Fecomércio-MS, Edison Araújo, em quase dez anos de atuação o SEGS tem buscado fortalecer os sindicatos da base, principalmente diante das mudanças dos últimos anos que têm afetado a atuação das lideranças. “Além de reconhecer o mérito de cada instituição, na busca por alternativas para continuar desempenhando seu papel de defesa dos interesses das categorias, esse momento é uma oportunidade para trocarmos ideias de boas iniciativas que cada sindicato encontrou, ao longo do ano, para driblar os desafios. As dificuldades existem, mas é possível buscarmos soluções viáveis para continuar nossa atuação”, afirma.

O SEGS capacita líderes e executivos sindicais para melhor atuarem em prol dos interesses das empresas que representam. Os sindicatos passam por uma avaliação que pontuam os seis eixos de atuação sindical: Atuação legislativa, comunicação institucional, atuação gerencial, produtos e serviços, representação e relações sindicais.

“A certificação do SEGS demonstra que esses sindicatos conseguiram alcançar a excelência na sua gestão ou que estão a caminho, que souberam conduzir bem seus sindicatos e estão mais fortalecidos para atender seus representados em 2020”, conclui Edison Araújo.

O presidente do Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista de Três Lagoas, Sueid Torres, destaca a importância da participação dos sindicatos. “O SEGS é a nossa espinha dorsal, nos ajuda e orienta em como administrar nossos sindicatos com mais objetivo, mais clareza, e nesse período difícil que passamos nos ajuda a encontrar alternativas de recursos necessários para a atuação dos sindicatos, em defesa dos nossos varejistas”, diz.

Prefeitura de Maracaju_Terrenos Baldios