Denize Portolann, secretária de Educação do município, participou do evento e foi presenteada com uma das maquetes, como lembrança do projeto - Assessoria
Denize Portolann, secretária de Educação do município, participou do evento e foi presenteada com uma das maquetes, como lembrança do projeto – Assessoria

Na noite dessa terça-feira (26) os pais de alunos do 4º ano do Ensino Fundamental da Escola Franciscana Imaculada Conceição (EIC) sentiram de perto o que é a educação pelo lúdico. No encerramento do projeto interdisciplinar “Conhecendo Dourados” as crianças deram uma verdadeira aula de história sobre o município às famílias que lotaram as arquibancadas do ginásio coberto da EIC, por meio de teatro, música e interação.

Fatos, personagens, datas, culturas e tradições foram mostradas seguindo a linha do tempo e construindo, de forma leve, a história da cidade que comemora nesse ano 82 anos, em 20 de dezembro, data de criação do município. A roda de tereré, as influências da cultura gaúcha e japonesa, os povos indígenas, os primeiros profissionais que se instalaram na cidade, a vinda das irmãs franciscanas e instalação da EIC, a criação do primeiro jornal…Vários foram os momentos marcantes retratados pelos alunos, enchendo a quadra de pontos representativos dessa história.

Houve, também, a exposição de maquetes de pontos turísticos e históricos de Dourados, material que foi confeccionado nos lares dos estudantes, com o envolvimento da família no projeto. A riqueza dos detalhes, o cuidado e a partilha de conhecimentos resultaram num acervo enorme exposto e compartilhado.

A nossa secretária de Educação do município, Denize Portolann, participou do evento e foi presenteada com uma das maquetes, como lembrança do projeto. Ainda foram homenageados os autores e intérpretes do Hino da Escola Franciscana Imaculada Conceição, que há 62 anos faz parte desse contexto. O evento foi encerrado com todos os alunos cantando a música “Seguindo em frente”, de Almir Satter, acompanhada pela voz de muitos pais.