A Prefeitura de Dourados, por meio do setor de fiscalização e pesquisa do Procon (Programa de Proteção e Defesa do Consumidor), realizou nesta terça-feira (28) pesquisa de preços das carnes bovina, suína e de aves.

Os pesquisadores visitaram 20 diferentes estabelecimentos da cidade e constataram variação de 79,42% entre os com menor e maior preço, considerando os estabelecimentos que têm todos os itens pesquisados.

A pesquisa apurou que a ponta de peito bovina apresentou variação entre o menor (R$ 12,89) e o maior (R$ 24,99) de 93,87%; no lombo suíno a diferença encontrada entre o menor (R$ 12,98) e o maior (R$ 34,99) preço foi de 169,57%; na carne de frango foi encontrado, na coxa e sobrecoxa, diferença de até 130,97. Já no peito com osso, a diferença foi de 65,60%.

A menor variação de preços foi no patinho, onde o menor valor foi de R$ 21,99 e o maior foi de R$ 31,80, com variação foi de 44,61%.

Foram encontrados cinco produtos com diferença acima de 100%, que são pernil suíno (100,11%), costela suína (101,78%), paleta suína (110,23%), coxa e sobrecoxa de aves (130,97%) e lombo suíno (169,57%).

Veja aqui a pesquisa completa

Câmara de Ponta Porã_Audiência Prestação de Contas