Apreensão foi nesta quarta-feira, 10 de abril, no km 352 da BR-262, em Campo Grande – Divulgação/PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu nesta quarta-feira, 10 de abril, no km 352 da BR-262, em Campo Grande, um homem transportando cigarros contrabandeados e outros dois que faziam o serviço de batedor.

Durante patrulhamento, a equipe policial abordou um M. Benz/Atego com placas de Franco da Rocha/SP, que estava estacionado às margens da rodovia. O motorista, de 39 anos, se mostrou nervoso com a abordagem. Diante disso, os policiais realizaram uma revista no caminhão e descobriram 50.000 maços de cigarros contrabandeados.

O condutor confessou que levaria a carga para São Paulo/SP, onde dividiria com outras duas pessoas que ocupavam um segundo veículo que seguia logo a frente. Ele também revelou que receberia R$ 4.000 (quatro mil reais) pelo transporte.

Com isso, foi solicitado apoio ao Núcleo de Operações Especiais da PRF (NOE), que abordou um Ford/Focus com placas de São Caetano do Sul/SP. Dentro do veículo estavam o motorista, de 33 anos, e um passageiro de 35. Os dois demonstraram nervosismo com a abordagem.

Após vistoria no veículo, foi encontrado um rádio comunicador escondido do painel do carro. O condutor disse ter sido contratado para levar o passageiro até São Paulo/SP e receberia R$ 2.000 (dois mil reais) pela viagem. O passageiro confessou que mantinha contato com o motorista do caminhão abordado anteriormente para avisá-lo de fiscalizações na rodovia.

Os presos foram encaminhados, juntamente com os veículos e carga de cigarros, para a Delegacia da Polícia Federal em Campo Grande.