Marco Aurélio Candia Braga, presidente da Fenemi, em visita às instalações da Faculdade do Senai de CG – Divulgação

O presidente da Fenemi (Federação Nacional da Engenharia Mecânica e Industrial), Marco Aurélio Candia Braga, visitou as instalações da Faculdade do Senai de Campo Grande e conheceu a grade do curso superior de Engenharia Mecânica, que está com inscrições abertas para o vestibular e se alinha com as necessidades do setor industrial de Mato Grosso do Sul. 

Na avaliação de Marco Aurélio Braga, o curso oferecido pela Faculdade do Senai da Capital alia teoria e prática, preparando o aluno para o mercado profissional. “O mercado hoje busca o profissional maker, que é aquele que entende do assunto e sabe executar corretamente as ações necessárias e poucas faculdades preparam esse profissional. Geralmente vemos grades curriculares com uma teoria extensa, mas sem esse contato com a indústria, que eu acredito que vai ser o grande diferencial do Senai”, afirmou. 

Ainda conforme o presidente da Fenemi, o campo de trabalho para o engenheiro mecânico é bastante amplo, principalmente com a chegada da Indústria 4.0. “O engenheiro mecânico trabalha pode trabalhar na indústria de avião, de ar condicionado, de elevador, enfim, qualquer indústria. Atualmente ele é ainda mais importante por conta da adequação das indústrias para as novas normas de segurança e com a Indústria 4.0 a gente acredita que vá faltar mão de obra qualificada para o mercado de trabalho. Então quer fizer esse curso, terá emprego garantido”, completou. 

Para o gerente da Faculdade do Senai de Campo Grande, Hélio Vilaça, receber a visita do presidente da Fenemi e ser elogiado pela grade curricular e estrutura oferecida pela instituição é uma grande satisfação. “Para nós é muito bom receber uma boa avaliação como a do Marco Aurélio, que trabalhou no chão de fábrica e já foi inclusive instrutor aqui do Senai. Acredito que isso traz ainda mais credibilidade para o curso superior de Engenharia Mecânica, que começamos a oferecer a partir deste ano”, destacou. 

Ele acrescentou que o grande diferencial da instituição são as condições oferecidas em termos de oficinas, laboratórios e professores. “Vale ressaltar também a proximidade que temos com a indústria, que facilita o envolvimento dos nossos alunos, e também uma expertise de mais de 76 anos na área de mecânica em todo o Brasil”, finalizou. 

Vestibular 

As provas do vestibular para o curso superior de Engenharia Mecânica serão realizadas conforme agendamento, de segunda à sexta-feira, das 13 às 16 horas e das 19 às 21 horas, e aos sábados, das 13 às 16 horas, sendo que o resultado sairá no dia seguinte à realização da prova diretamente na secretaria acadêmica da Faculdade. No entanto, no caso do candidato que optar por fazer as provas no último dia permitido, ou seja, 8 de fevereiro de 2019, o resultado será divulgado, excepcionalmente, no dia 9 de fevereiro de 2019, pois as aulas terão início no dia 18 de fevereiro de 2019. 

Para fazer a prova, o candidato deverá apresentar o comprovante de inscrição, documento oficial de identidade com foto, caneta esferográfica azul ou preta, lápis e borracha. Além disso, o candidato que estiver cursando as 1ª, 2ª e 3ª séries do Ensino Médio ou equivalente somente poderá se inscrever na condição de treineiro. Os candidatos portadores de diploma de curso superior ou que tenham nota do Enem igual ou superior a 450 pontos obtidas nas edições realizadas após 2015 não precisam participar do processo seletivo e podem efetuar a matrícula de forma direta. 

Os documentos necessários para a matrícula são: certidão de nascimento ou casamento (original + duas cópias), carteira de identidade (original + duas cópias), título de eleitor (original + duas cópias), CPF (original + duas cópias), histórico escolar do Ensino Médio (original + duas cópias), certificado de reservista ou prova de que está em dia com as obrigações militares (somente para candidatos do sexo masculino e com mais de 18 anos), comprovante de residência atualizado (original + uma cópia) e uma foto 3×4 colorida, frontal e recente. 

Serviço – Mais informações pelo telefone 0800 7070 745 ou pelo site www.meufuturoagora.com.br