Preço do diesel cai e Carlito do Gás quer redução da tarifa do transporte coletivo

Para Carlito, além dos caminhoneiros, a redução do diesel deve beneficiar aqueles que utilizam o transporte público – Assessoria

O Vereador Carlito do Gás (PEN) solicitou formalmente à Prefeita Délia Razuk que convoque a empresa Medianeira, concessionária da exploração do transporte coletivo em Dourados, para discutir uma possível redução da tarifa cobrada dos usuários. “Diante da diminuição do valor do diesel anunciada pelo presidente Michel Temer e tendo em vista que este é um dos componentes da planilha de custos apresentada pela empresa concessionária do transporte coletivo para fixação da tarifa, entendemos que a redução deve se dar em efeito cascata beneficiando quem está na ponta, que é o usuário”, ponderou o vereador.

“Solicitei essa intervenção da Prefeitura, que é o Poder concessionário, baseado na premissa de que quando se tem o aumento do diesel a concessionária solicita o aumento na passagem do ônibus, porém no presente caso com a redução temporária de R$ 0,46 anunciada pelo governo federal o prefeito pode solicitar a redução proporcional ou pelo menos um percentual no valor da passagem”, explicou Carlito. Para ele, além dos caminhoneiros, a redução do diesel deve beneficiar aqueles que utilizam o transporte público, pois são pessoas que também sofrem com a carestia na vida cotidiana e a grande carga de impostos. “Há que se lembrar que além da redução determinada pelo presidente recentemente a Assembleia Legislativa aprovou a lei que baixou a alíquota de ICMS do óleo diesel de 17% para 12%, o que também será fator a baratear esse item da planilha de custos da empresa”, assinalou.

“Se o combustível ficou mais barato para todos com a nova alíquota, nada mais do que justo que quem usa transporte coletivo também usufrua desse benefício de diesel mais barato, afinal é o argumento mais usado quando da solicitação de reajustes na tarifa”, reforçou Carlito, lembrado que com os aumentos da gasolina a tendência é que as pessoas optem pelo transporte coletivo, o que reduziria o impacto da redução da tarifa.

O vereador ressaltou ainda que o próprio proprietário da Medianeira, Marcelo Saccol, afirmou a poucos dias que a redução pode ser analisada. “Quando esse desconto no combustível chegar nas bombas, a gente atualiza o valor na planilha e avalia a possibilidade de baratear o valor do passe”, disse Saccol em entrevista concedida ao jornal virtual Douradosnews no dia 06 de junho. Em fevereiro deste ano, o valor cobrado para utilizar os ônibus públicos em Dourados saltou de R$3 para R$ 3,30. O principal motivo pelo reajuste seria o aumento do óleo diesel, segundo a direção da Medianeira. “Entendemos ser possível uma redução no passe e esperamos que haja esse diálogo entre a Prefeitura e a empresa e que o usuário seja beneficiado”, concluiu Carlito do Gás.