Polícia Militar divulga balanço de suas ações durante final de semana em Dourados

Foram realizadas 480 abordagens e 25 pessoas foram presas no período

O Comando da Polícia Militar de Dourados divulgou na manhã dessa segunda-feira(11) o resultado de suas ações de prevenção, repressão e atendimento a comunidade douradense de 8 a 11 de junho de 2018 (sexta à segunda-feira).

Foram realizados 72 atendimentos, sendo que desses 43 de cunho exclusivamente preventivos, sendo 480 abordagens a pessoas, 186 abordagens a veículos e a lavratura de 12 autos de infração de trânsito e o recolhimento de 1 veículo ao Detran.

Abordagens realizadas durante o final de semana em Dourados – Divulgação/3º BPM

Foram atendidas ainda ocorrências de perturbação do sossego, violência doméstica, lesão corporal, dirigir embriagado, tentativa de homicídio, violação de domicilio, maus tratos, portar drogas para consumo pessoal e furto, gerando a prisão e o encaminhamento de 25 pessoas.

Um mandado de prisão foi cumprindo e registrados ainda 9 acidentes de trânsito, sendo um com vítima fatal.

O planejamento operacional durante os finais de semana em Dourados, recebem o reforço dos alunos dos cursos de formação de Cabos e Sargentos e, esse reforço tem viabilizado ações de prevenção como blitz, arrastão e saturação em todos os bairros da cidade, gerado uma maior sensação de segurança a comunidade.

O comandante do 3º BPM, Tenente Coronel Carlos Silva, ainda atribui os resultados positivos alcançados pela PM em Dourados, a coesão das ações policiais entre as diversas equipes de policiamento do Batalhão e também com os demais órgãos de segurança pública de Dourados.

“O trabalho em equipe, subsidiado principalmente pela Agência Local de Inteligência (ALI) e a captação de informações junto aos demais órgãos de segurança pública na cidade de Dourados, possibilita as equipes operacionais da Polícia Militar a realizarem o trabalho repressivo de uma forma mais dinâmica e precisa, com isso tirando diversos elementos nocivos a sociedade de circulação e gerando uma maior sensação de segurança”, complementa o comandante.