PF encontra ‘bunker’ com malas de dinheiro de Geddel

Operação 'Tesouro Perdido' foi deflagrada nesta terça-feira (5) – Divulgação PF
Operação ‘Tesouro Perdido’ foi deflagrada nesta terça-feira (5) – Divulgação PF

A Polícia Federal encontrou nesta terça-feira (5) diversas malas com milhares de notas em reais em um apartamento que, segundo a investigação, é usado por Geddel Vieira Lima, ex-ministro do presidente Michel Temer. A operação, batizada de “Tesouro Perdido”, foi deflagrada com o objetivo de cumprir mandado de busca e apreensão emitido pela 10ª Vara Federal de Brasília.

De acordo com as autoridades, os valores apreendidos serão levados a um banco. Lá, as notas serão contabilizadas e depositadas em conta judicial. Os malotes de dinheiro foram encontrados após as investigações decorrentes de dados coletados nas últimas fases da Operação Cui Bono. Com isso, a PF chegou a um endereço em Salvador, que seria, supostamente, utilizado por Geddel como um “bunker” para armazenar o dinheiro em espécie.

O ex-ministro está preso desde o dia 3 de julho, mas por meio de um habeas corpus conseguiu cumprir prisão domiciliar em sua casa, na capital baiana. Ele foi denunciado por tentativa de atrapalhar as investigações sobre desvios no FI-FGTS, o fundo de investimento do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço.

Da AnsaFlash