A obra chega ao Brasil pela Editora Planeta

Papa Francisco lança livro ‘Deus é jovem’ – Foto: L’Osservatore Romano

O papa Francisco lançou nesta quinta-feira (23), em Roma, na Itália, o livro “Deus é jovem – uma conversa com Thomas Leoncini”, que chega ao Brasil pela Editora Planeta.

Durante o lançamento, o Pontífice falou sobre a importância de dar voz às novas gerações – temática muito presente em sua obra.

Também participaram do evento o coautor da publicação, o escritor e jornalista Thomas Leoncini, e o secretário-geral da Conferência Episcopal Italiana (CEI), monsenhor Nunzio Galantino. “Suas palavras nos ajudam a entender como a idade não tem importância para compreender os corações dos jovens. Papa Francisco, com esse livro, nos acorda continuamente”, disse Galantino.

A publicação de 160 páginas aborda, através de lembranças do próprio líder católico, diversos assuntos da atualidade, como fé, sonhos, sociedade, consumo e poder – sempre colocando o jovem como centro das temáticas.

O Papa também faz críticas ao papel excessivo dos pais na juventude de seus filhos, mas ressalta a importância dos avós em suas vidas. Francisco ainda defende a liberdade de expressão, encorajando as pessoas a sempre “falarem francamente”.

Leoncini diz que Jorge Mario Bergoglio o “ensinou o infinito” durante o tempo em que trabalharam juntos na produção do livro.

“Eu entendi aos poucos o nível de humildade e grandeza que esse homem tem. Falamos sobre o problema dos jovens de se sentirem invisíveis em uma sociedade hiperconectada, hipersocial, hipersocializada, e mesmo assim não se sentirem vistos”, declarou.

“Então perguntei a ele do que ele tinha medo quando era jovem. E ele me respondeu que temia não ser amado. Esse medo foi superado ao buscar autenticidade, superando a sociedade da aparência de hoje, aceitando-se pelo que é”, acrescentou o escritor.

Da AnsaFlash