Papa beatifica dois mártires colombianos vítimas da guerra

Monsalve e Ramírez foram mortos por grupos guerrilheiros – Foto: EPA
Monsalve e Ramírez foram mortos por grupos guerrilheiros – Foto: EPA

Durante sua primeira celebração em Villavicencio, na Colômbia, nesta sexta-feria (8), o papa Francisco beatificou dois religiosos colombianos que foram mortos por grupos guerrilheiros.

O monsenhor Jesus Emilio Jaramillo Monsalve (1916-1989) era bispo de Arauca quando, em 1989, foi sequestrado e morto pelos guerrilheiros do Exército Nacional da Libertação (ELN).

Já o padre Pedro María Ramírez (1899-1948) era pároco da cidade de Armero e foi morto em 1948 durante os conflitos que levaram à morte o candidato à Presidência pelo Partido Liberal, Pedro Eliecer Gaitan. Segundo Francisco, os dois são “expressões de um povo que quer sair do pântano da violência e do rancor”.

Da AnsaFlash