Eliminado na semifinal do Campeonato Paulista, o elenco palmeirense vive nesta segunda-feira o último dos três dias de folga concedidos pelo técnico Luiz Felipe Scolari. O time alviverde retoma os trabalhos na tarde de terça e, pela primeira vez desde o ataque ao ônibus da delegação, volta a abrir o aquecimento à imprensa.

Em seu último compromisso, pela Copa Libertadores, o Palmeiras ganhou por 3 a 0 do Junior Barranquilla, na quarta-feira passada. A próxima partida da equipe alviverde está marcada para as 23 horas (de Brasília) do dia 25 de abril, contra o Melgar, na cidade peruana de Arequipa.

O ataque ao ônibus da delegação, ocorrido nas imediações do Allianz Parque, marcou o jogo contra o Junior Barranquilla. Após fechar à imprensa os treinamentos de quinta e sexta-feira, o Palmeiras nesta terça voltará a permitir a presença dos jornalistas durante o aquecimento, como de praxe na gestão Felipão.

Durante os dias sem jogos para disputar, a comissão técnica planeja dar atenção especial à parte física de atletas que vêm atuando ainda sem a forma ideal, casos de Ricardo Goulart e Marcos Rocha, por exemplo, além de recuperar o atacante Carlos Eduardo.

Com nove pontos, um a menos do que o San Lorenzo, o Palmeiras figura na vice-liderança do Grupo F da Copa Libertadores. Para garantir a classificação às oitavas de final, o time alviverde precisa apenas empatar contra o Melgar, terceiro lugar com quatro pontos.

Da Gazeta Esportiva