Palestra foi proferida pelo 1º Sargento PM Julio CT Arguelho, na noite desta quinta-feira, 22 - Assessoria
Palestra foi proferida pelo 1º Sargento PM Julio CT Arguelho, na noite desta quinta-feira, 22 – Assessoria

Na noite dessa quinta-feira, 22, a Assessoria de Comunicação Social do 3º BPM, dentro do planejamento preventivo da unidade, aplicou a palestra do Projeto “DIGA NÃO AO CRIME”, para pais, alunos e funcionários da escola Antônia da Silveira Capilé, vocacionado para o atendimento de jovens e adolescente de 13 a 17 anos das escolas, visando inibir a iniciação criminal nessa faixa etária.

A palestra, que teve um público de mais de 50 ouvintes,  discorreu sobre conhecimentos gerais sobre drogas licitas e ilícitas, (álcool, tabaco, maconha, cocaína, pasta base de cocaína, LSD, ecstasy, haxixe e crack), bem como as principais consequências a saúde, dependência química e ação sobre o sistema nervoso central, observações a Lei 13.010/2014, conhecida como “LEI DO MENINO BERNARDO”; noções de autoridade; descriminalização da maconha; Lei 11.343/ 2006 “LEI DE DROGAS”, trabalho institucional realizado pela Policia Militar e consequências do uso e tráfico de drogas no Brasil.

“A interação dos órgãos nesse trabalho é muito importante e nos motiva a continuar investindo nesse projeto que é de cunho preventivo, sendo que o 3º BPM se tornou órgão referência nesse tipo de palestras de impacto, que visa desmotivar a iniciação criminal de nossos jovens de adolescentes, principalmente nas cidades da faixa de fronteira, tendo o apoio de pais e professores para o alcance desse objetivo”, concluiu o palestrante, 1º Sargento PM Julio CT Arguelho.

No sábado(24), o Sargento Arguelho aplicará a palestra voltada para professores e funcionários da Escola Capilé.

Agendamentos e informações do Projeto DNC pelos telefones 3902-2575, 99624-6956 ou pela fanpage do Facebook https://www.facebook.com/PROJETODNC/