No Mato Grosso do Sul, 8% das contratações no 1º trimestre foram por meio do Sine

Sistema foi responsável por mais de 5 milcontratações de janeiro a março

O estado do Mato Grosso do Sul empregou 5.082 pessoas por intermédio do Sistema Nacional de Emprego (Sine) no primeiro trimestre de 2018. O número corresponde a 7,97% do total de 63.746 das admissões registradas no período.

Osnúmeros são do Boletim de Políticas Públicas de Emprego, Trabalho e Renda, divulgado pelo Observatório Nacional do Mercado de Trabalho. Em todo o país, 159.932 pessoas conseguiram emprego por meio do Sine no mesmo período, sendo que 11,3% das colocações foram de trabalhadores requerentes do seguro-desemprego (18.072).

Qualificação

A Escola do Trabalhador, uma das principais ações de qualificação e combate ao desemprego do Ministério do Trabalho, já recebeu 417.680 matrículas em pouco mais de seis meses de funcionamento.

A plataforma de ensino à distância, lançada em 21 de novembro do ano passado, tem recebido uma média de 2,3 mil inscrições por dia de todos os estados brasileiros. Omaior número de inscrições foi para os cursos de inglês aplicado ao trabalho, introdução ao Excel e segurança da informação. Quanto ao perfil das participantes, 50,97% eram mulheres, principalmente nas faixas etárias de 18 a 24 anos (29,1%) e 25 a 34 anos (34,78%).

Os cursos são feitos pela internet, no sitehttp://escola.trabalho.gov.br. Pode ser acessado de qualquer computador e por qualquer pessoa. Não há pré-requisitos para cursá-los e também não existe escolaridade mínima exigida.