Servidores públicos fazem pintura de obstáculos em via urbana de Caarapó, sob a supervisão do Demtrat – Foto: Dilermano Alves

O Departamento Municipal de Transporte e Trânsito de Caarapó (Demtrat), órgão da prefeitura, está realizando uma série de melhorias da sinalização de trânsito na sede do município. As ações integram as atividades alusivas ao movimento Maio Amarelo, que este ano traz como lema No trânsito, o sentido é a vida.

Os quebra-molas da cidade estão recebendo pintura nova, como forma de torna-los mais visíveis aos usuários das vias públicas. Além disso, está sendo aumentado o número de vagas de estacionamentos destinadas a idosos, pessoas com deficiência e para motos. Também estão sendo implantadas mais faixas de pedestres.

Paralelamente às melhorias de caráter físico, outras atividades de conscientização para um trânsito mais seguro estão sendo desenvolvidas ao longo deste mês. Faixas com o tema do movimento foram espalhadas por toda a cidade, bem como estão sendo realizadas blitzes educativas com participação de estudantes, palestras nas unidades escolares e diversos tipos de orientações sobre a prevenção de acidentes. O encerramento da campanha está previsto para o próximo dia 30, em evento agendado para a Praça Central, às 8h. Conforme a programação, haverá passeata com estudantes, pronunciamento de autoridades e simulação de salvamento com integrantes do Corpo de Bombeiros Militar do subgrupamento de Caarapó.

As ações da campanha são realizadas nos municípios de todo o Brasil com o objetivo de promover maior segurança no trânsito, com ênfase na vida humana. O Maio Amarelo nasceu com a proposta de chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito. Em 2019, o Contran (Conselho Nacional de Trânsito) adotou o lema No trânsito, o sentido é a vida, temática sugerida pelo Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV).

Em Caarapó, a campanha é promovida pela prefeitura, através da Semeec (Secretaria Municipal de Educação, Esporte e Cultura), e o Demtrat (Departamento Municipal de Transporte e Trânsito), com apoio da Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Detran/MS, escolas estaduais e municipais e centros de formação de condutores.

A cor amarela do movimento foi escolhida por simbolizar atenção, em referência à sinalização de advertência no trânsito. Já o mês foi escolhido por ter uma ligação com a história de segurança no trânsito, uma vez que foi em maio de 2011 que a ONU decretou a “Década de Ações para a Segurança no Trânsito”. A meta é reduzir pela metade os acidentes de trânsito.