Moisés faz dupla com Guerra em treino do Palmeiras e se destaca

Cuca comandou um trabalho técnico com três equipes e, embora não tenha uma escalação, fez um esboço de time, com os dois armadores e Thiago Santos no meio de campo

Moisés foi o destaque do Palmeiras no treino da manhã desta quinta-feira na Academia de Futebol. Em uma atividade técnica, Cuca escalou três times, e em um deles montou o esqueleto da possível equipe para enfrentar a Chapecoense, com o camisa 10 e Guerra juntos.

Cada equipe tinha oito jogadores de linha, e um deles tinha: Jean, Edu Dracena, Luan e Michel Bastos; Thiago Santos, Moisés e Guerra; Deyverson. Todos estes devem jogar no domingo. Moisés durante a atividade distribuiu o jogo, correu, deu carrinho, e mostrou boa desenvoltura. Ele não enfrentou o Vasco, pois levou uma pancada no joelho esquerdo, que operou em fevereiro. Não houve outra lesão no local, mas o clube faz um trabalho físico específico com ele.

O time de colete vermelho treinou com: Tchê Tchê, Fabiano, Juninho, Egídio, Raphael Veiga (ele está suspenso e não joga domingo), Róger Guedes, Erik e Willian. A outra equipe, de colete azul, trabalhou com Mayke, Antônio Carlos, Thiago Martins, Zé Roberto, Bruno Henrique, Hyoran, Keno e Borja.

Tomando como base a primeira escalação, restam duas vagas abertas no time titular para o duelo das 19h, no Allianz Parque, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Keno e Willian a princípio disputam uma delas; a outra deve ser de Róger Guedes.

Após a atividade de 1h30 na manhã, os jogadores vão almoçar e descansar no hotel da Academia de Futebol. À tarde haverá outra atividade, esta sem a presença de jornalistas.

Jailson, com lesão no quadril, e Dudu, com dores na coxa, seguiram tratamento no departamento médico. Mina operou o pé e ainda não iniciou o tratamento, enquanto Arouca já deixou o DM e está sob cuidados da preparação física.

Do Globo Esporte