Membros de quatro conselhos são empossados pela prefeitura

Prefeita Délia Razuk empossou os conselheiros e destacou o papel de cada um – Foto: A. Frota
Prefeita Délia Razuk empossou os conselheiros e destacou o papel de cada um – Foto: A. Frota

A Prefeitura de Dourados deu posse na manhã desta terça-feira (25) aos membros do CMDM (Conselho Municipal dos Direitos da Mulher), Comsea (Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Dourados), CMDPI (Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa) e CMJ (Conselho Municipal de Juventude). A cerimônia ocorreu no anfiteatro do CAM (Centro Administrativo Municipal).

Autoridades políticas e representantes da sociedade civil e das administrações públicas acompanharam o ato de posse, presidido pela prefeita Délia Razuk. Posteriormente os conselheiros assinaram os termos.

A prefeita Délia Razuk destacou a fundamental importância dos conselhos na construção das políticas públicas do município e aproveitou para agradecer a todos que “se colocam dispostos na busca de uma Dourados melhor”.

“Destacamos e agradecemos a vontade de cada um em participar do desenvolvimento do nosso município. A importância dos conselhos é muito grande; é junto a esses que trazemos as políticas públicas que serão implementadas no nosso município. Temos que trabalhar para que nossa cidade seja referência no cenário nacional e para isso estamos atuando. Afinal, amamos nossa cidade, queremos que ela prospere”, pontuou.

A secretária de Assistência Social, Ledi Ferla, ressaltou que desde que foi possibilitada a construção dos conselhos, em 1988, foi agregada uma participação democrática na gestão pública. Ela destaca a atenção constante às leis que regem estes como diferencial para um trabalho bem direcionado.

“Nós nos organizamos com a competência de gestão da Casa dos Conselhos e também com a participação competente e solidária da Câmara dos Vereadores. Fazemos sempre a atualização das legislações para que os conselhos consigam se adequar à realidade em cada setor e para melhor forma de seleção dos membros”, disse Ledi.

A posse dos conselheiros acontece a cada dois anos. A secretária enfatizou que os conselhos são compostos basicamente em 50% pela sociedade civil e 50% do poder público, sendo alguns deliberativos e outros consultivos e têm papel fundamental na tomada de decisões, proposituras e fiscalização das políticas públicas na cidade.

A coordenadora da Casa dos Conselhos, Ediana Mariza Bachi, citou que foram incorporados representantes de algumas entidades para composição dos conselhos, como universidades públicas e particulares, clubes de serviços, diretórios acadêmicos e grêmios estudantis. Ela destacou ainda que a gestão municipal tem caminhado junto aos conselhos, inclusive por meio da PGM (Procuradoria Geral do Município) com apoio e presença nas reuniões.