Mato Grosso do Sul negocia 100% do milho ofertado em Leilões da Conab

Nesta quinta-feira (27), a Conab (Companhia Nacional de Abastecimento) realizou mais duas operações de apoio à comercialização do milho. No total, a entidade negociou 100% do total ofertado em Mato Grosso do Sul, 30 mil toneladas do leilão de Pepro (Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural) e 30 mil toneladas no caso do leilão de Pep (Prêmio para Escoamento de Produto). Os resultados podem ser conferidos no site da Conab, por meiodeste link.

O prêmio inicial de Pepro ficou em R$ 5,55, mas caiu para R$ 3,60. Na operação de Pep, o prêmio caiu de R$ 5,55 para R$ 4,08.

Para o presidente da Aprosoja/MS, Christiano Borltolotto, os leilões da Conab favorecem o escoamento de milho de MS. “Esperamos aumentar a quantidade nos próximos leilões”, pontua.

Leilões

O órgão responsável por autorizar estas operações é o Ciep (Conselho Interministerial de Estoques Públicos). Os leilões tiveram início em abril com o objetivo de assegurar preço mínimo ao produtor e incentivar o escoamento do excedente de produção para os grandes centros consumidores.

O PEP é um prêmio destinado à indústria, que se compromete a adquirir e transportar o produto conforme as especificações do edital. O grão deve ser comprado diretamente do produtor rural ou de sua cooperativa. Já o Pepro é concedido ao produtor rural ou cooperativa, para complementar o valor recebido pela venda do produto para que ele atinja o valor do preço mínimo, desde que seja escoado de acordo com as condições do edital.

Da Aprosoja/MS