A medida tomada pela SANESUL em parceria com o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul vai de encontro com as ações do Governo Federal para superar este momento de crise

Sensibilizada com o momento em que o Brasil está enfrentando devido ao combate ao COVID-19, a SANESUL decidiu suspender a cobrança de água tratada para as famílias da classe “D” e “E”, devidamente cadastradas junto a Empresa de Saneamento do Estado de Mato Grosso do Sul.

De acordo o Diretor Comercial e de Operações da Sanesul, Onofre de Assis Souza, “A empresa de saneamento entende que esta população é a mais vunerável e consequentemente a que será mais atingida pelo quadro econômico que deve se apresentar nos próximos meses”.

As medidas adotadas pela SANESUL vão de encontro com as condutas estabelecidas entre os governos estadual e federal para superar este momento de crise.   “Vamos suspender as cobranças das contas de água das classes “D” e “E” que estão cadastradas conosco dentro da tarifa social para os próximos 90 dias. Na prática é ajudar 50 mil sul-mato-grossenses”, acrescenta o diretor comercial e de operações da Sanesul.

Outra medida adotada pela Sanesul neste período de crise é a revisão de cortes de água.

“Temos de levar em conta o momento que o país está passando. O estado de calamidade pública, os decretos municipais de toque de recolher e, com mais gente em casa, o consumo vai aumentar, o que deve provocar um desequilíbrio econômico dentro dessas famílias. Depois dos 90 dias, passado a crise, vamos estudar uma forma de cobrar de nossos contribuintes o que foi consumido. Tudo isso dentro de um cenário que ainda vai se apresentar”, finaliza o diretor comercial e de operações da Sanesul, Onofre de Assis Souza.

Câmara de Ponta Porã_A Câmara no Instagram