Iphan-MS une patrimônio cultural e inclusão social em exposição

A mostra estará disponível ao público até a próxima segunda-feira, 16 de dezembro, na Galeria de Vidro

Mostra está disponível na Galeria de Vidro, antiga Estação ferroviária de Campo Grande – Divulgação

Resultado de atividade lúdica realizada com crianças da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae-Corumbá), a exposição Patrimônio Cultural e Inclusão Social – Aprendendo: Ver, Ouvir e Sentir reúne pinturas de bens culturais tombados, registrados e arqueológicos reconhecidos pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). A mostra estará disponível ao público até a próxima segunda-feira, 16 de dezembro, de 9h às 17h, em Campo Grande.

O evento é gratuito e não é necessária inscrição prévia. A ideia é compartilhar os resultados da ação realizada em Corumbá com as crianças da Apae Campo Grande, que também participarão da oficina posteriormente.

A ação foi implementada em 2018 com os alunos da Apae-Corumbá e envolveu aulas teóricas, expositivas e práticas sobre o Patrimônio Cultural de Mato Grosso do Sul, supervisionadas por técnicos da Superintendência do Iphan-MS. Foram utilizadas tinta guache e técnicas de uso de silk-screen para pintar os quadros. Ela faz parte do Programa Educação Patrimonial do Iphan-MS (Educa-Iphan), que tem como objetivo fomentar a identificação cultural, incentivar o conhecimento e a importância da preservação e salvaguarda do Patrimônio Cultural. Agora, esses trabalhos passam a integrar a mostra, que reúne 30 quadros.

A exposição ficará disponível para visitação até o dia 16 de dezembro, de 9h às 17h. Ela também foi realizada em Corumbá (MS), após a finalização da oficina com as crianças.

Serviço:
Patrimônio Cultural de Inclusão Social – Aprendendo: Ver, Ouvir e Sentir
Data: 09 a 16 de dezembro de 2019, de 9h às 17h
Local: Galeria de Vidro, Plataforma Ferroviária – Avenida Calógeras – Antiga Estação ferroviária de Campo Grande (MS)
Inscrição: gratuita, no local do evento.