Internacional vence Ceará e assume o terceiro lugar do Campeonato Brasileiro

O Internacional venceu nesta segunda-feira o Cearápor 1 a 0 no Estádio Beira-Rio pela 14ª rodada do Campeonato Brasileiro. Numa partida extremamente complicada no qual os gaúchos tiveram diversas dificuldades de abrir o placar. Porém o Colorado foi efetivo na chance que teve. Mais uma vez Pottker foi decisivo ao marcar gol do triunfo. Assim os vermelhos chegaram há 10 partidas sem perder na competição.

Com o resultado, o Inter chegou ao terceiro lugar com 26 pontos. E o Ceará segue na lanterna com oito pontos. Na próxima rodada o Internacional visita o América-MG na quinta, às 20h (horário de Brasília), no Independência. Já o Ceará recebe no sábado o Fluminense, às 16h(horário de Brasília), no Presidente Vargas.

Jogo
Sob uma temperatura gelada, o Internacional tomou a iniciativa e vem tentando penetrar na defesa do Ceará. O Alvinegro está bem fechado e apostou nas jogadas de contra-ataque. Rodando a bola de um lado para o outro, o Colorado não vem conseguindo encontrar uma brecha no sistema defensivo dos visitantes.

Passado 20 minutos, os donos da casa não conseguiram até agora criar uma chance ou chutar a meta do goleiro Éverson. Tem muita posse de bola, mas sem nenhuma objetividade. Finalmente Internacional conseguiu dar um chute a gol. Aos 30, na cobrança, a zaga do Ceará faz o corte. A bola sobrou para Nico López, que chutou com estilo. A bola passou perto do gol de Everson.

A primeira chance do Inter surgiu em uma jogada de contra-ataque. Aos 37, Rossi arrancou pela esquerda, se livrou de dois marcadores do Ceará e chutou no travessão. Para chegar ao triunfo o time gaúcho precisa circular com mais rapidez a bola e assim ultrapassar as linhas defensivas do Vovozão. Por sua vez, o Ceará soube se defender bem e vem conseguindo segurar o ímpeto dos vermelhos.

O Internacional adiantou a sua marcação e tentou empurrar o Alvinegro para o seu campo. Aos 06, Rossi tentou jogada individual pela esquerda. Não conseguiu da primeira, mas na segunda tentativa conseguiu o cruzamento. De bicicleta, Patrick teve boa chance de abrir o placar. Enquanto o Ceará arriscou apenas chutes de fora da área.

Com objetivo de mudar o panorama da partida, o técnico Odair Hellmann sacou o atacante Rossi e fez entrar o meia D´Alessandro. Diferente da etapa inicial, o time do Nordeste permaneceu mais com a bola. Agora o Inter ficou mais ofensivo com a entrada do centroavante Leandro Damião e saiu o volante Edenílson. Aos 25, cobrança fechada de escanteio e Damião quase desviou para o gol. Everson, atento, fez a defesa.

Fechando com uma linha de 5 o Ceará cada vez mais dificultou as penetrações do Internacional em sua defesa. Em sua primeira oportunidade no segundo tempo, o Colorado foi efetivo e saltou na frente. Aos 30, boa jogada pela esquerda, Nico chutou, o goleiro dá rebote e Pottker não desperdiçou tocando para o fundo da rede. Na busca do empate o técnico Lisca fez duas modificações. Saiu Reina para a entrada de Calyson. Saiu Juninho para a entrada de Eder Luís. Aos 35, Leandro Damião arriscou de fora da área e Éverson espalmou pela linha de fundo. Aos 47, João Lucas cruzou da esquerda, e Arthur cabeceou com perigo sobre o gol colorado.

Depois de conseguir fazer o gol, o Inter recuou um pouco e apostou nas jogadas de contra-ataque. O técnico Odair Hellmann foi feliz em suas alterações o que fez o time ganhar mais qualidade do meio pra frente. Apesar das limitações, o Ceará se mostrou um time bravo, mas o treinador Lisca terá trabalho duro para livrar do rebaixamento.

Ficha Técnica
Internacional x Ceará
Local: Beira-Rio, em Porto Alegre-RS.
Data: 23 de Julho, Segunda-feira.
Horário: 20h (horário de Brasília).
Árbitro: Bruno Arleu de Araújo (RJ).
Assistentes: Luiz Cláudio Regazone e Carlos Henrique Cardoso de Souza (ambos do RJ).
Renda: R$569.225,00
Público: 23.237 pagantes
Cartãoamarelo: Arthur, Richardson, Reina (Ceará), Rodrigo Dourado, Cuesta (Inter).
Gol: Pottker (Internacional), aos 30 minutos do segundo tempo.
Inter: Danilo Fernandes, Zeca, Danilo Silva, Cuesta e Iago, Rodrigo Dourado, Edenílson (Leandro Damião), Patrick, Rossi (D´Alessandro), Nico López (Gabriel Dias) e Pottker .Técnico: Odair Hellmann
Ceará: Éverson; Arnaldo, Tiago Alves, Luiz Otávio e João Lucas; Richardson, Fabinho, Juninho (Eder Luís) e Reina (Calyson); Felipe Azevedo (Luidy) e Arthur.Técnico: Lisca

Da Gazeta Esportiva