Agricultores também poderão saber mais sobre bonificação dada por um supermercado alemão

A viabilidade da soja convencional será apresentada pelo Instituto Soja Livre na Showtec, evento que ocorre em Maracaju (MS) de 22 a 24 de janeiro, em um balcão no estande da Embrapa.

“Vamos informar e orientar o produtor rural sul-mato-grossense sobre as vantagens do plantio da soja convencional, segregação na hora da colheita, entre outros pontos. E claro que também mostraremos as opções de variedades convencionais que se adaptam ao solo das regiões do Estado”, explica Endrigo Dalcin, presidente do Instituto Soja Livre.

A soja convencional é interessante para o produtor rural também por causa dos prêmios que podem receber na hora da venda. Alguns agricultores de Mato Grosso do Sul, por exemplo, já receberam bonificação da LIDL, a maior rede de supermercados da Europa.

A empresa quer fomentar o plantio de soja livre de transgênicos no Brasil por meio do Programa de Incentivo à Soja Convencional, que é gerenciado pelo Instituto Soja Livre, Fundação Pró-Terra e Food Chain ID.

A Showtec ocorre de 22 a 24 de janeiro de 2020, em Maracaju (MS), na Estrada da Usina Velha, km 02.

Instituto Soja Livre

O Instituto Soja Livre é uma associação sem fins lucrativos que defende o direito de cada produtor de escolher a qualidade do grão que deseja plantar em cada safra.  O objetivo é fomentar o plantio de soja convencional, feito especialmente por pequenos e médios agricultores para atender um nicho de mercado importante.

Câmara de Ponta Porã_Audiência Prestação de Contas