As instituições parceiras demandantes devem apresentar contrapartida mínima de 15% do recurso solicitado para o projeto. Submissão das propostas deverá ser feita a partir de 18 de fevereiro, por docentes do Instituto Federal

Está publicado na Central de Seleção do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) o edital nº 09/2019, destinado à seleção de projetos de Pesquisa Aplicada e Extensão Tecnológica (PAET) voltados à solução de problemas do setor produtivo e da sociedade. 

O foco do processo seletivo é o desenvolvimento de produtos, processos e serviços tecnológicos e sua transferência ao setor produtivo. Os projetos devem contribuir para o desenvolvimento científico, tecnológico e de inovação, por meio da cooperação entre o IFMS e as instituições parceiras demandantes. 

O responsável pela apresentação da proposta precisa ser servidor efetivo do IFMS, pertencente à carreira de magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT). O projeto pode incluir estudantes matriculados em cursos de nível médio e graduação, com a indicação do coordenador. 

Os demais requisitos para submissão da proposta constam no edital de abertura do processo seletivo. 

Submissão – Deverá ser feita pelo coordenador de projeto, por meio do módulo Pesquisa do Sistema Unificado de Administração Pública (SUAP), entre 18 de fevereiro e 14 de junho. 

A proposta deverá ser apresentada conforme o modelo descrito no anexo 1 do edital. Devem constar os planos de trabalho, ações e atividades a serem desenvolvidas por todos os membros da equipe do projeto, com período de execução máximo de até 12 meses a partir da homologação do resultado final. 

A proposta precisa ainda conter um vídeo (pitch), que apresente as necessidades da instituição parceira demandante e a forma como pretende resolvê-las. Todos os formulários necessários para o cadastro e a submissão do projeto constam como anexos do edital e se encontram na Central de Seleção

Serão apoiadas preferencialmente propostas inseridas em áreas temáticas estratégicas priorizadas pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), listadas no edital.

Análise – Será realizada em três etapas. Nelas serão verificadas a estrutura da proposta e a documentação apresentada, a avaliação do mérito da proposta (de acordo com os critérios de análise e julgamento descritos no edital de abertura) e do esforço da equipe gestora em contribuir para as ações de empreendedorismo e inovação no âmbito do IFMS. 

As propostas serão classificadas em ordem decrescente, tendo como base sua pontuação final. Após a divulgação das inscrições deferidas, haverá um período para adequação das propostas. 

O resultado provisório está previsto para ser divulgado até 27 de agosto. 

Os projetos selecionados deverão ser executados entre setembro deste ano a agosto de 2020.

Recursos financeiros – As propostas aprovadas serão financiadas com recursos totais estimados em R$ 100 mil. Os projetos selecionados terão o valor de financiamento de até R$ 12,5 mil, para custeio de material de consumo, como componentes e/ou peças de reposição de equipamentos, instalação ou serviços de terceiros. 

As instituições parceiras demandantes devem apresentar também uma contrapartida mínima de 15% do valor do recurso total solicitado. As informações para a mensuração da contrapartida econômica e/ou financeira deverão constar na proposta. 

Serão concedidas bolsas nas modalidades pesquisador (apenas para o proponente), estudantes de nível superior e médio. Os valores são de R$ 600,00, R$ 400,00 e R$ 100,00, respetivamente, com a duração das bolsas variando de acordo com o tipo ofertado.