Vinte colaboradores se tornaram brigadistas de combate ao incêndio – Assessoria

Colaboradores do Hospital Regional Dr. José Simone Netto (Hospital Regional de Ponta Porã) participaram da capacitação para formar nova equipe de brigada de incêndio. O treinamento foi ministrado pelo sargento do 4º Grupamento do Corpo de bombeiros de Ponta Porã (4° GBM), Josélio Lima, e teve o objetivo de formar brigadistas para o combate a princípios de incêndio, técnicas de evacuação do prédio em caso de sinistros e noções básicas de atendimento pré-hospitalar. O curso, que segue as normas da NT 17, que regulamenta as brigadas de combate ao incêndio em unidades de saúde, teve duração de oito horas e formou vinte colaboradores brigadistas.

O técnico em segurança do trabalho do HR, Robert Elias Rodrigues Hausf, explicou a importância desse tipo de formação na unidade hospitalar. “Nós seguimos a norma técnica do corpo de bombeiros que regulamenta que toda instituição de saúde tenha uma equipe de brigadistas. Essa equipe é renovada anualmente, e hoje, além de aula teórica, eles também tiveram provas para a conclusão do curso. Atualmente, nossa equipe tem vinte brigadistas que estão treinados para que caso ocorra um sinistro, eles consigam conduzir uma evacuação e combater um princípio de incêndio”, explicou.

Durante o curso, foram apresentados temas como classes de incêndio, as diferenças entre os vários tipos de extintores e a forma adequada de manusear cada um deles em princípios de incêndios. Conservação dos extintores, técnicas de evacuação do prédio e salvamento também foram abordados na palestra, além de treinamento prático de combate ao incêndio, funcionamento, uso de hidrantes e atendimento a primeiros socorros.

O Sargento do 4° GBM, Josélio Lima, explicou que o hospital receberá um certificado de autenticação de brigada de incêndio. “Estamos aqui hoje colocando em prática a norma da NT17, tivemos aqui o curso de oito horas para a formação de brigada, conforme preconiza a legislação. Eles foram orientados sobre técnicas de combate de incêndio, primeiros socorros num incêndio e abandono de área. Após o término, eles tiveram a prova teórica e prática, e também receberam um certificado. O Hospital Regional de Ponta Porã receberá a autenticação de uma brigada de incêndio, certificando que a unidade está preparada para auxiliar os bombeiros em caso de sinistros na unidade”, explicou.

“Esse treinamento foi bem completo, aprendemos várias técnicas e práticas para auxiliar os bombeiros em caso de um sinistro, o que é importante, pois temos um grande volume de pacientes e colaboradores na unidade. Temos que estar preparados para auxiliar todos caso houver algum princípio de incêndio”, finalizou o condutor de maca, Laercio Pinazo.