O grupo de canto Caravana do Evangelho, que esteve no HU-UFGD na manhã deste domingo (3) - Divulgação
O grupo de canto Caravana do Evangelho, que esteve no HU-UFGD na manhã deste domingo (3) – Divulgação

O coletivo, que é formado por frequentadores de casas espíritas de Dourados, esteve no hospital na manhã deste domingo (3), como parte da Programação de Fim de Ano da instituição

Como parte da Programação de Fim de Ano do Hospital Universitário da Universidade Federal da Grande Dourados (HU-UFGD), o grupo de canto Caravana do Evangelho apresentou seu repertório de músicas natalinas a colaboradores, pacientes e acompanhantes, na manhã deste domingo (3).

Pelos corredores de enfermarias, Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs), recepções e Maternidade, a música encantou a quem ouviu, levando ânimo a quem acordou cedo para trabalhar ou enfrentar um novo dia de tratamento.

O coletivo, formado há dez anos, é composto por frequentadores das casas espíritas de Dourados, que se reúnem todas as quintas-feiras para ensaiar, sob a regência da maestrina Rita Mathias. Ela, aliás, esteve recentemente no HU-UFGD com o coral dos Centros de Convivência da Pessoa Idosa (CCIs) de Dourados, um dos diversos projetos que mantém.

Diversificada, a Caravana é integrada por pessoas de várias idades e ocupações. Médicos, empresários, professores, donas de casa, jornalistas, psicólogos, funcionários públicos, enfim, gente com um único ideal que é transmitir bons sentimentos por meio da música.

A advogada Jovina Nevoleti Correia está no grupo desde sua formação e conta que tudo começou de maneira informal. Atualmente à frente da União Regional Espírita de Dourados, ela diz que o grupo se iniciou pequeno, com cinco pessoas, e hoje conta com 24 integrantes.

“Em 2007, a doutrina espírita completou 150 anos de existência, com o aniversário de publicação do Livro dos Espíritos, de Allan Kardek. Nesse período, montamos um grupo de cinco pessoas para visitar as casas espíritas, cantando algumas músicas em comemoração. Quando percebemos, o grupo havia aumentado e depois de três anos caminhando sozinhos surgiu a ideia de termos uma regente para nos orientar”, explica.

Além de apresentações a convite, a Caravana do Evangelho vem participando de encontros de corais e congressos espíritas e, neste ano, passou a realizar um trabalho social junto a hospitais e instituições assistenciais, prática que deve ser ampliada em 2018, conforme Jovina. “Nosso objetivo é passar um sentimento de fraternidade, de união de todos os povos, sobretudo nos momentos em que as pessoas estão mais vulneráveis”.

Confira as fotos da apresentação.

Programação de Fim de Ano

Lançada na última sexta-feira (1), a programação, que já existe há três anos, reúne todas as atividades desenvolvidas por diversos setores do HU-UFGD, em alusão ao Natal e ao Ano Novo. Para esta edição, houve uma pré-abertura especial, com a apresentação do Coral dos CCIs de Dourados no dia 22 de novembro.

Já no dia 1º de dezembro, foi inaugurada a árvore de Natal dos colaboradores, decorada coletivamente com as marcas coloridas das mãos dos trabalhadores. Também foi instalado o letreiro “#souhu♥”, em homenagem a toda a comunidade hospitalar do HU-UFGD.

Ainda estão previstas as apresentações do grupo Seresteiros do HU-UFGD, a celebração do Culto Ecumênico Especial de Natal e, para fechar o ano, o Concerto da Orquestra UFGD. Toda a programação é voltada ao público interno, envolvendo colaboradores, residentes, acadêmicos, pacientes, visitantes e acompanhantes.