Geraldo foi escolhido pelo PSDB para falar pela liderança do partido no Plenário da Câmara dos Deputados; no detalhe o plenário da Câmara - Assessoria
Geraldo foi escolhido pelo PSDB para falar pela liderança do partido no Plenário da Câmara dos Deputados; no detalhe o plenário da Câmara – Assessoria

O deputado Geraldo Resende (PSDB) discursou no Plenário da Câmara dos Deputados nesta terça-feira (03), em alusão ao Dia Nacional do Idoso, comemorado em primeiro de outubro. Geraldo foi escolhido pelo PSDB para representar o partido na Sessão Solene por sua ligação com a causa e por ser membro titular da Comissão de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa (CIDOSO).

Geraldo Resende destacou o crescimento da expectativa de vida no país e as novas demandas mediante a essa realidade demográfica, “a expectativa de vida era de 62,5 anos, em 1980, e saltou para 75,2 anos em 2014. Estima-se que, por volta de 2030, o número absoluto de brasileiros com mais de 60 anos ultrapasse o de crianças de 0 a 14 anos, assim o Brasil passará a ter o sexto maior contingente de idosos do mundo”, afirmou.

O parlamentar também defendeu um novo olhar para os mais experientes brasileiros, “os idosos não querem mais apenas acrescentar tempo as suas vidas, mas sim vida ao tempo que se ganhou. É fundamental que políticas e equipamentos públicos estejam à disposição de novas demandas em saúde, porém, essas mesmas políticas e equipamentos não podem mais enxergar o idoso apenas da ótica da fragilidade ou de questões a serem resolvidas. As maiores economias do mundo cresceram ao ouvir e respeitar a experiência de seus idosos”, disse.

O Dia primeiro de outubro é também o aniversário de sanção do Estatuto do Idoso. Geraldo Resende também destacou a defesa do arcabouço legal em evento organizado pelo seu mandato junto a Câmara Municipal de Dourados (MS) e a CIDOSO, o primeiro seminário do país a debater o tema realizado no dia 11 de agosto. O parlamentar também lembrou de sua participação no seminário em Cascavel (PR), quando proferiu uma palestra sobre a saúde na terceira idade.

Resende aproveitou a oportunidade para defender a construção de equipamentos públicos voltados aos idosos. “No último dia 29 colocamos em funcionamento o Centro de Convivência do Idoso de Navirai, o melhor do estado, em um investimento de R$ 1,2 milhão. Os de Dourados e o de Glória de Dourados já estão em funcionamento e o de Nova Alvorada do Sul está em análise. Todos esses investimentos conquistados através de nosso trabalho”, finalizou.