Gaeco cumpre mandados em operação contra venda de sentenças no TJMS

Operação foi deflagrada às vésperas de inspeção do CNJ no TJMS, que começa na segunda-feira (21)

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado) cumpriu na manhã desta sexta-feira (18) mandados contra suspeitos de envolvimento na compra de sentenças no TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul). Foram cumpridos mandados em Campo Grande, Aquidauana e Rochedo.

Segundo apurou o Jornal Midiamax, um dos juízes investigados é suspeito por supostamente pedir R$ 250 mil de propina para liberar a venda de uma fazenda implicada em processo de inventário.

O relatório do Gaeco apresentado ao desembargador Luiz Gonzaga Mendes Marques, que autorizou os mandados de busca, aponta indícios dos crimes de associação criminosa, lavagem de dinheiro e corrupção.