Campeã estadual, unidade escolar é 3ª colocada na etapa nacional do Prêmio Ministério Público do Trabalho na Escola 

O vice-prefeito Gordo da Tigre, direção, coordenação, professores e alunos ganhadores da etapa estadual do Prêmio MPT na Escola – Foto: Dilermano Alves

A Escola Municipal Rui Barbosa, da cidade de Caarapó, faturou o primeiro lugar na etapa estadual do Prêmio Ministério Público do Trabalho na Escola, iniciativa que tem como objetivo sensibilizar crianças e adolescentes sobre os malefícios do trabalho infantil. A disputa se refere ao ano de 2018.

A escola disputou o prêmio na modalidade esquete teatral, com a peça A História de Clara (disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=LsvtSFBlcqA), produzida pelos alunos do 5° Ano A (2018), sob a coordenação dos professores Aline Maria de Santana, Abadia Simara da Silva e Michel Gil Coronel, com o apoio da coordenadora pedagógica Ana Paula Costa e do diretor Edimilson Liberal.

Participaram da peça os alunos Carlos Henrique Soares Correa, Cristiane Izabely Leite de Oliveira, Geovanna NAthiely Barreto Cardoso, Jean Carlo de Matos Araújo, José Ernandes Balbino Escobar, Júnior Madones Machado da Silva, Letícia Eduarda Escobar dos Santos, Letícia Moreira da Silva, Michele Beldel Huerta e Lucas de Souza Barusso, e receberam tablets como premiação pela conquista.

A solenidade de premiação dos alunos foi realizada na Escola Rui Barbosa no último dia 29, evento que teve a participação do vice-prefeito Leônidas Ignácio Moreno, o Gordo da Tigre (DEM), que representou o prefeito André Nezzi, em viagem de compromissos oficiais em Campo Grande. A secretária municipal de Educação, Esportes e Cultura, Ieda Maria Marran, o secretário de Agricultura e Desenvolvimento Econômico, Márcio Barbosa Rodrigues, ao lado de professores, direção, coordenação e alunos da unidade escolar, também participaram do ato.

“Em nome da administração municipal, parabenizo todos os envolvidos nesse importante trabalho de prevenção do trabalho infantil através da arte, colocando a Escola Rui Barbosa em um lugar de grande destaque no cenário nacional”, discursou o vice-prefeito na oportunidade. De acordo com Gordo da Tigre, a premiação é resultado do esforço conjunto de todos da escola – alunos, professores, direção e coordenação –, que encamparam a ideia do Ministério Público do Trabalho sobre sensibilizar a todos para o mal provocado pelo trabalho precoce de crianças e adolescentes.

O Prêmio MPT na Escola consiste em um conjunto de ações voltadas para debates sobre temas relativos aos direitos da criança e do adolescente, especialmente a erradicação do trabalho infantil e a proteção ao trabalhador adolescente.

Em 2011, foi reconhecido pelo Conselho Superior do Ministério Público do Trabalho como um dos projetos estratégicos da instituição, sendo batizado como MPT na Escola – o que deu projeção nacional à iniciativa, que tem conseguido atingir seus principais objetivos, como conscientizar a sociedade por meio da comunidade escolar, romper barreiras culturais e mitos e fortalecer o Sistema de Garantia dos Direitos da Criança e do Adolescente.