Calouros e veteranos de Radiologia e Enfermagem se unem para ajudar o próximo com doação de sangue – Divulgação/Unigran

Ajudar o próximo. Foi com esse objetivo que os acadêmicos veteranos dos cursos de Radiologia e Enfermagem da UNIGRAN promoveram um trote solidário para os calouros: doar sangue no Hemosul de Dourados. Como um ato de amor, os estudantes se prontificaram para fazer as doações e ainda, quem não tinha o cadastro no banco de medula óssea, pôde se cadastrar.

Greici Kelli Araújo, recém-ingressa em Radiologia, nunca havia doado sangue e aprovou o trote. “Amei a ideia, achei muito criativa e muito eficiente, pois ajudará alguém que precisa. Muitos colegas se prontificaram para doar o sangue e ainda é uma oportunidade para ter uma interação com os veteranos, nos aproximar”, afirma.

Os veteranos que propuseram o trote solidário foram Rodrigo Duarte Dias, acadêmico Radiologia e Amanda Cardoso, aluna de Enfermagem. A ideia surgiu para realizar uma ação que integrasse os novos alunos e, ainda, ajudasse o próximo.

“Pensamos em unir as turmas e fazer algo em prol da sociedade. Como vamos trabalhar na área da saúde, estamos estudando este campo, nada mais justo que fazer algo para as pessoas que estão precisando hoje. Todos os calouros acolheram bem a ideia. Tivemos a participação de cerca de 30 estudantes”, relata Rodrigo Dias.

Foi um momento de confraternização que aproximou os estudantes, como uma forma de recepção, além de mostrar a prática na área da saúde, na qual farão parte depois de formados, é o que lembra a veterana Amanda Cardoso. “Fizemos uma ação para integrar os novos alunos, incentivar os anos de curso, mostrar que no futuro podem ser eles que irão trabalhar em um local como esse, incentivar o amor que temos que ter na profissão, de ajudar o próximo”, ressalta.

Rosa Fernandes, assistente social do Hemosul Dourados, destaca a importância da parceria com a UNIGRAN e a mudança na cultura do trote. “Vemos a Instituição de Ensino como uma parceira, aliada em todas as ações que fazemos, pois sempre tem essa visão de contribuir com a comunidade. Temos notado uma mudança na cultura do trote, receber o colega que vai começar a estudar a profissão de uma forma que sensibiliza para essa necessidade, ele está jovem, saudável. É uma alegria recebê-los com o interesse de auxiliar a comunidade”, enfatiza.

Serviço

Para doar sangue é preciso: levar documento oficial com foto; estar em boas condições de saúde, não estar gripado ou com outra infecção; estar descansado e alimentado; ter entre 18 e 69 anos de idade; o limite para a primeira doação será de 60 anos de idade; menores entre 16 e 17 anos de idade, podem ser aceitos com autorização do responsável legal; pesar mais de 55 quilos.

Recomendações: não ingerir bebida alcoólica pelo menos 12 horas antes da doação (para quem beber com moderação); não fumar 1 hora antes e após a doação; tomar café da manhã antes da doação; evitar alimentos gordurosos no dia da doação.

O Hemosul Regional de Dourados é localizado na rua Waldomiro de Souza – 295 – Vila Industrial. Para mais informações podem ser obtidas no e-mail: [email protected] ou pelos telefones: (67) 3424-0400/3424-4192.