Em noite de Weverton, Veiga marca de pênalti e Palmeiras vence Universidad Católica

Nesta quarta-feira, o Palmeiras derrotou a Universidad Católica por 1 a 0, no Estádio San Carlos de Apoquindo, no jogo de ida das oitavas de final da Libertadores. O Verdão passou longe de fazer uma partida brilhante, com Raphael Veiga fazendo de pênalti o único gol do confronto.

Por mais que Raphael Veiga tenha colocado o time na frente, o Palmeiras pouco produziu na primeira etapa. Por outro lado, Weverton fez duas defesas, a Católica acertou o travessão em cobrança de falta e Zé Rafael ainda tirou uma bola em cima da linha.

O segundo tempo começou com o Palmeiras tendo duas boas oportunidades, em finalizações de Gustavo Scarpa e Wesley. A partir de então, a Católica cresceu e passou a rondar da área, fazendo Weverton trabalhar. Nos minutos finais, o time comandado por Abel Ferreira administrou o jogo e garantiu a vitória.

A partida de volta entre Palmeiras e Universidad Católica acontece na quarta-feira da semana que vem, às 19h15, no Allianz Parque. Vale lembrar que há o critério do gol qualificado fora de casa na Libertadores.

O jogo – O início do jogo foi tenso e muito disputado, com os dois times marcando bem e tirando os espaços dos ataques. A primeira chance foi dos mandantes, com Valencia. Depois de desvio na primeira trave em cruzamento, o atacante finalizou na pequena área e parou em defesa de Weverton.

Acuado e sem criatividade, o Palmeiras não conseguia levar perigo no ataque. Enquanto isso, a Católica voltou a assustar, colocando Weverton para trabalhar. Tapia cortou da esquerda para dentro e finalizou, exigindo intervenção do goleiro. Depois de bela jogada, Zampedri chutou de fora da área, mas o arqueiro do Verdão não teve dificuldade para agarrar.

Aos 39 minutos, o árbitro assinalou o pênalti para o Palmeiras após consultar a cabine do VAR, em lance de mão de Lanaldo. Na cobrança, Raphael Veiga mandou no meio do gol e abriu o placar. Logo em seguida, Huerta assustou em finalização de fora da área.

No último lance do primeiro tempo, Felipe Gutiérrez cobrou falta no travessão. No rebote, Valencia tocou de cabeça, e Zé Rafael fez corte providencial, em cima da linha.

Segundo tempo

O primeiro lance perigoso da etapa final foi do Palmeiras, com Scarpa. O meia recebeu de Breno Lopes pela esquerda e finalizou cruzado, com a bola passando próxima do gol. Na sequência, foi a vez de Wesley balançar pela esquerda e exigir defesa do goleiro em finalização com a perna canhota.

Na primeira pontada da Católica no segundo tempo, Weverton cresceu. Puch lançou Valencia, que saiu dominou e chutou em cima do goleiro. Logo depois, Francisco Silva arriscou chute no meio do gol, exigindo nova intervenção do goleiro.

A Católica permaneceu no ataque e assustou em cruzamento pela direita, com Valencia não conseguindo aproveitar a oportunidade. A partir de então, o Palmeiras passou a se defender com solidez e administrou o placar, levando a vantagem para casa.

Ficha técnica
Universidad Católica-CHI 0 x 1 Palmeiras

Local: Estádio San Carlos de Apoquindo, em Santiago (CHI)
Data: 14 de julho de 2021, quarta-feira
Horário: 19h15 (de Brasília)
Árbitro: Andrés Matonte (URU)
VAR: Carlos Benítez (PAR)
Cartões amarelos: Zampedri, Parot, Lanaro (Católica); Marcos Rocha, Viña, Wesley (Palmeiras)

GOL:
Palmeiras: Raphael Veiga (41 minutos do 1º tempo)

CATÓLICA: Sebástian Pérez; Rebolledo, Lanaro, Huerta, Parot; Saavedra (Fuenzalida), Juan Leiva, Felipe Gutiérrez (Francisco Silva); Tapia (Puch), Valencia e Zampedri.
Técnico: Gus Poyet

PALMEIRAS: Weverton; Marcos Rocha, Kuscevic, Gustavo Gómez e Matías Viña (Victor Luis); Danilo, Zé Rafael, Gustavo Scarpa (Dudu) e Raphael Veiga (Patrick de Paula); Breno Lopes (Wesley) e Deyverson (Willian).
Técnico: Abel Ferreira

Da Gazeta Esportiva

DEIXE UM COMENTÁRIO/RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.